Professor auxiliar e a inclusão de alunos com Transtorno do Espectro Autista

Paulo César Morales Mayer, Marta Angélica Iossi Silva, Reinaldo Antonio Silva-Sobrinho, Rosane Meire Munhak da Silva, Adriana Zilly

Resumo


No Brasil, é direito do aluno com Transtorno do Espectro Autista com comprovadas necessidades, ter a presença de um acompanhante especializado em sala de aula, o professor auxiliar. Contudo, a legislação referente a esse profissional é recente. O presente estudo caracterizou esses profissionais e a percepção destes sobre suas atividades. Foram entrevistados 12 acompanhantes especializados de Foz do Iguaçu, Paraná. Os dados da caracterização foram tabulados e os dados qualitativos foram analisados pelo método do Discurso do Sujeito Coletivo. Constatou-se que todos os 12 entrevistados eram do sexo feminino, apenas 03 com pós graduação em educação especial, média de idade de 37 anos e 08 professoras estavam tendo sua primeira experiência na atividade atual. Nos discursos observou-se conhecimentos limitados sobre autismo, pouca articulação com o professor regente, necessidade de capacitações com atividades práticas e um misto de frustrações e realizações pessoais em relação a atuação. A atividade do professor auxiliar ainda está em desenvolvimento, poucos estudos relatam essa atuação e necessita de normativas específicas delimitando seus requisitos profissionais, abrangência e metas educacionais.

Palavras-chave


Educação Especial; Autismo; Inclusão educacional.

Texto completo:

PDF HTML

Referências


APA. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais. Porto Alegre: Artmed, 2014.

BERTAZZO, Joíse de Brum. Acompanhamento escolar e transtornos do espectro do autismo. In: ANPED SUL, 10., 2014, Florianópolis. Anais Eletrônicos... Florianópolis: UDESC, 2014. Disponível em: < http://xanpedsul.faed.udesc.br/arq_pdf/804-0.pdf> Acesso em: 05 nov. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva. Brasília, DF, 2008.

______. Lei Federal no 12.764/2012, de 27 de dezembro de 2012. Institui a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista; e altera o § 3o do art. 98 da Lei no 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Brasília, DF: Diário Oficial da República Federativa do Brasil, 2012.

______. Decreto Federal no 8.368/2014, de 02 de dezembro de 2014. Regulamenta a Lei no 12.764, de 27 de dezembro de 2012, que institui a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista. Brasília, DF: Diário Oficial da República Federativa do Brasil, 2014.

CABRAL, Cristiane Soares; MARIN, Angela Helena. Inclusão escolar de crianças com transtorno do espectro autista: Uma revisão sistemática da literatura. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 33, p. e142079, 2017.

CAMARGO, Síglia Pimentel Hoher; BOSA, Cleonice Alves. Competência social, inclusão escolar e autismo: revisão crítica da literatura. Psicologia & Sociedade, Belo Horizonte, v. 21, n. 1, p. 65–74, 2009.

GIANGRECO, Michael F. Teacher assistant supports in inclusive schools: research, practices and alternatives. Australasian Journal of Special Education, Camberra, v. 37, n. 2, p. 93–106, 2013.

KEEN, Deb; WEBSTER, Amanda; RIDLEY, Greta. How well are children with autism spectrum disorder doing academically at school? An overview of the literature. Autism, London, v. 20, n. 3, p. 276–294, 2016.

LEFEVRE, Fernando; LEFEVRE, Ana Maria Cavalcanti. Pesquisa de representação social um enfoque qualiquantitativo. 2. ed. Brasilia, DF: Liber Livro Editora, 2012.

LIMA, Stéfani Melo; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Escolarização de alunos com autismo. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 22, n. 2, p. 269–284, 2016.

NASCIMENTO, Fabiana Ferreira do; CRUZ, Mara Monteiro da; BRAUN, Patricia. Escolarização de pessoas com transtorno do espectro do autismo a partir da análise da produção científica disponível na Scielo-Brasil (2005-2015). Arquivos Analíticos de Políticas Educativas, Tempe, v. 24, n. 125, 2017.

NUNES, Débora Regina de Paula; AZEVEDO, Mariana Queiroz Orrico; SCHMIDT, Carlo. Inclusão educacional de pessoas com Autismo no Brasil: uma revisão da literatura. Revista Educação Especial, Santa Maria, v. 26, n. 47, p. 557–572, 2013.

OSÓRIO, Regina Ribeiro de Paulo; GOMES, Vera Lúcia; SILVA, Rita de Fatima. O papel do auxiliar pedagógico especializado na inclusão do autista. Diálogos Interdisciplinares, Aquidauana, v. 1, n. 3, p. 50–65, 2016.

SCHMIDT, Carlo; NUNES, Débora Regina de Paula; PEREIRA, Débora Mara; OLIVEIRA, Vivian Fátima de; NUERNBERG, Adriano Henrique; KUBASKI, Cristiane. Inclusão escolar e autismo: uma análise da percepção docente e práticas pedagógicas. Revista Psicologia: Teoria e Prática, São Paulo, v. 18, n. 1, p. 222–235, 2016.

SCHMIDT, Carlo. Transtorno do Espectro Autista: Onde estamos e para onde vamos. Psicologia em Estudo, Maringá, v. 22, n. 2, p. 221–230, 2017.

SHARMA, Umesh; SALEND, Spencer J. Teaching Assistants in Inclusive Classrooms: A Systematic Analysis of the International Research. Australian Journal of Teacher Education, Joondalup, v. 41, n. 8, p. 118–134, 2016.

SILVA, Josenildo Pereira da; SILVA, Petrônio José da. Discente com autismo na sala de aula regular: o que fazer? Research, Society and Development, Itabira, v. 2, n. 2, p. 122–135, 2016.

SZYMANSKI, Maria Lídia Sica; STEPANHA, Kelley Adriana de Oliveira. A apropriação docente do conceito de autismo e seus reflexos na prática pedagógica. In: Congresso Nacional de Educação EDUCERE, 13., 2017, Curitiba. Anais eletrônicos...Curitiba: PUC, 2017. Disponível em: . Acesso em: 15 de nov. 2017.

TALARICO, Mariana Valente Teixeira da Silva; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Trajetórias escolares de alunos com transtorno do espectro autista. Comunicações, Piracicaba, v. 23, n. 3, p. 43–56, 2016.

WARREN, Zachary; McPHEETERS, Melissa L.; SATHE, Nila; FOSS-FEIG, Jennifer H.; GLASSER, Allison; VEENSTRA-VANDERWEELE, Jeremy. A Systematic Review of Early Intensive Intervention for Autism Spectrum Disorders. Pediatrics, Estados Unidos, v. 127, n. 5, p. e1303–e1311, 2011.




DOI: https://doi.org/10.5902/1984686X33028

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

Periodicidade: Publicação contínua

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

A Revista Educação Especial agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

__________________________________________________