Orientação profissional para estudantes universitários com deficiências: conceitos, políticas e práticas

Liz Amaral Saraiva Morgado, Leonardo Santos Amâncio Cabral

Resumo


As discussões inerentes às pessoas com deficiências que têm ingressado na Educação Superior e no mundo de trabalho incitam a necessidade de subsídios teóricos, políticos e práticos para a promoção de sua orientação acadêmico-profissional. Nesse sentido, a presente pesquisa objetivou: a) identificar produções científicas nacionais e internacionais que tiveram como foco temático a orientação profissional de estudantes universitários com deficiência; b) analisar a inter-relação entre os conteúdos das produções científicas e os documentos oficiais nacionais; e c) identificar e analisar elementos que possam constituir a elaboração e implantação de serviços de orientação profissional. Trata-se de uma revisão bibliográfica sistemática integrativa, valendo-se de descritores Thesaurus e operadores booleanos. Por meio do Portal de Periódicos Capes e Redalyc, foi possível a identificação, análise e discussões no âmbito das seguintes unidades temáticas: Documentos Norteadores Governamentais; Medidas Administrativas Institucionais; Estratégias Didático-Pedagógicas e Curriculares; Programas e Atividades de Extensão; Atores e Formação para a Orientação Profissional; Materiais e Instrumentos. A análise integrativa indicou que um programa adequado de orientação profissional para estudantes universitários com deficiência deva ser proposto sob uma perspectiva biopsicossocial, envolvendo as instituições de ensino e o mundo do trabalho, fomentando a autonomia, o reconhecimento de suas identidades, diferenças, expectativas profissionais e de vida, sob a perspectiva do lifelong learning.


Palavras-chave


Educação Especial; Educação Superior; mundo do trabalho.

Texto completo:

PDF HTML

Referências


AGUIAR, Wanda Maria Junqueira; BOCK, Ana Maria Bahia; OZELLA, Sérgio. A orientação profissional com adolescentes: um exemplo de prática na abordagem sócio-histórica. In: BOCK, Ana Maria Bahia; GONÇALVES, Maria da Graça; FURTADO, Odair. (Org.), Psicologia sócio-histórica: uma perspectiva crítica em psicologia. São Paulo: Cortez, 2009.

ALFREDO, Raquel Antonio. Aproximações explicativas a partir da análise de sentidos e significados constituídos em espaços/ momentos/situações de escolha na escola. (Dissertação de Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC. 2006.

AMBIEL, Rodolfo Augusto Matteo; POLLI, Mariana Fralleti. Análise da produção científica brasileira sobre avaliação psicológica em Orientação Profissional. Estudos Interdisciplinares em Psicologia, Londrina, v. 2, n. 1, p. 103-121, jun. 2011.

ARENDT, Hanna. A condição humana. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2018.

BOTELHO, Louise Lira Roedel; CUNHA, Cristiano Castro de Almeida; MACEDO, Marcelo. O método da revisão integrativa nos estudos organizacionais. Gestão e Sociedade, v. 5, n. 11, p. 121-136, 2 dez. 2011.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil, de 5 de outubro de 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999. Regulamenta a Lei nº 7.853, de 24 de outubro de 1989, que dispõe sobre a Política Nacional para a Integração da Pessoa Portadora de Deficiência, consolida as normas de proteção, e dá outras providências. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1999/decreto-3298-20-dezembro-1999-367725-norma-pe.html. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Diretoria de Estatísticas Educacionais. Censo da Educação Superior: microdados. Rio de Janeiro. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/web/guest/microdados. Acesso em: 20 fev. 2020.

BRASIL. Lei nº 5.692, de 11 de agosto de 1971. Fixa diretrizes e Bases para o ensino de 1° e 2º graus, e dá outras providências. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/1970-1979/lei-5692-11-agosto-1971-357752-norma-pl.html. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991. Dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8213cons.htm. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Lei n. º 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm. Acesso em: 23 set. 2020.

BRASIL. Ministério da Economia. 2019. Relação Anual de Informações Sociais [RAIS]. Disponível em: https://www.gov.br/economia/pt-br/assuntos/noticias/2019/02/contratacao-de-pessoas-com-deficiencia-bate-recorde-apos-fiscalizacao-do-trabalho. Acesso em: 29 jun. 2020.

BRASIL. Portal Educação. Consultor de Carreira: o que faz? Disponível em: https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/conteudo/consultor/50651. Acesso em: 04 mar. 2019.

CABRAL, Leonardo Santos Amâncio; MENDES, Enicéia Gonçalves; ANNA, Lucia de. Orientação acadêmica e profissional dos estudantes com deficiência nas universidades italianas. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, [S.l.], p. 615-630, ago. 2015.

CABRAL, Leonardo Santos Amâncio; SANTOS, Vivian; MENDES, Enicéia Gonçalves. Educação especial na educação superior: podemos falar em democratização do acesso? Educação e Fronteiras, Dourados, v. 8, n. 23, p. 111-126, ago. 2018.

CASTRO, Bianca Gomes da Silva Muylaert Monteiro; AMARAL, Shirlena Campos de Souza; BORGES, Luís Felipe Câmara. A inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho: perspectivas sobre a exclusão produtiva. Revista on line de Política e Gestão Educacional, [S.l.], p. 1433-1447, set. 2017.

CAVALCANTE, Roberta Maria Fernandes; RODRIGUES, Yangla Kelly Oliveira; NETTO, Raymundo. Enem Projeto de Vida: profissão e carreira. Fortaleza: Fundação Demócrito Rocha/Uane. 2015.

CHIAVENATO, Idalberto. Gestão de Pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. São Paulo: Manole, 2014.

Department of Education and Science. Learning for Life: Paper on Adult Education. Dublin: Stationery Office. Commission of the European Communities: "Adult learning: It is never too late to learn". (2000). Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/EN/ALL/?uri=CELEX:52006DC0614. Acesso em 23 set. 2020.

EGIDO GÁLVEZ, Inmaculada; CERRILLO MARTIÍN, Rosario; CAMINA DURANTES, Asunción. La inclusión social y laboral de las personas con discapacidad intelectual mediante los programas de empleo con apoyo. Un reto para la Orientación. REOP - Revista Española de Orientación y Psicopedagogía, [S.l.], v. 20, n. 2, p. 135-146. 2009.

GANONG, Lawrence. Integrative reviews of nursing research. Research in Nursing & Health, v. 10, n. 11, p. 1-11. 1987.

GARCÍA, Maria Ángeles Segura; MARTÍNEZ-VICENTE, José Manuel; GARCÍA MARTÍNEZ, Isabel. Relación entre el desarrollo vocacional eficaz y los factores de elección en titulados universitarios con discapacidad activos laboralmente. Un estudio preliminar. REOP - Revista Española de Orientación y Psicopedagogía, [S.l.], v. 26, n. 3, p. 8-25, abr. 2015.

GONZÁLEZ, Manuel Álvarez; GARCÍA, Maria Fe Sanchez. Concepto, evolución y enfoques teóricos de la orientación professional. In: GARCÍA, Maria Fe Sanchez; GONZÁLEZ, Manuel Álvarez (Org). Bases teórico-prácticas de la orientación profesional. Madrid: UNED, 4-48. 2012.

GUILLAMÓN, José Rafael; RODRIGUEZ, Víctor. Atención y orientación a los estudiantes con discapacidad en la UNED. REOP - Revista Española de Orientación y Psicopedagogía, [S.l.], v. 21, n. 2, p. 391-400, jan. 2014.

HOUAISS, Antonio. Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Ed. Objetiva, 2001.

LEHMAN, Yvette Piha. Orientação profissional na pós-modernidade, In: LEVENFUS, Rosane Schotgues; SOARES, Dulce Helena Penna et al. (Org). Orientação Vocacional Ocupacional. Porto Alegre: Artmed, 2010.

ITÁLIA. Legge quadro nº 104, 05 febbraio 1992. Legge-quadro per l'assistenza, l'integrazione sociale e i diritti delle persone handicappate. Disponível em: https://archivio.pubblica.istruzione.it/news/2006/allegati/legge104_92.pdf. Acesso em: 23 set. 2019.

LISBOA, Marilu. Orientação profissional e mundo do trabalho: reflexões sobre uma nova proposta frente a um novo cenário. In: LEVENFUS, Rosane Schotgues; SOARES, Dulce Helena Penna (Org.) Orientação vocacional ocupacional: novos achados teóricos, técnicos e instrumentais para a clínica, a escola e a empresa. Porto Alegre: Art Med, 2002.

LLEDÓ, Gonzalo Lorenzo; CARRERES, Asunción Lledó; LLEDÓ, Alejandro Lorenzo; VERA, Graciela Arráez. La acción tutorial como acompañamiento en el alumnado universitário con discapacidad: hacia una educación inclusiva. International Journal of Developmental and Educational Psychology, v. 4, n. 1, p. 137-144. 2017.

MELNYK, Bernadette Mazurek; FINEOUT-OVERHOLT, Ellen; STILLWELL, Susan; WILLIAMSON, Kathleen. The Seven Steps of Evidence-Based Practice: Following this progressive, sequential approach will lead to improved health care and patient outcomes. American Journal of Nursing, v. 110, n. 1, p. 51-53. 2010.

MELO-SILVA, Lucy Leal. Ética e competência na prática da orientação profissional. In: MELO-SILVA, Lucy Leal; SANTOS, Manoel Antonio; SIMÕES, Joab Tenysson; AVI, Maria Cecília. Orientação profissional: teoria e prática - Arquitetura de uma ocupação. São Paulo: Vetor, p. 69-90. 2003.

MELO-SILVA, Lucy Leal; LASSANCE, Maria Célia Pacheco; SOARES, Dulce Helena Penna. A orientação profissional no contexto da educação e trabalho. Revista Brasileira de Orientação Profissional, São Paulo, v. 5, n. 2, p. 31-52, dez. 2004.

NAG, Sonali. Re-thinking support: the hidden school-to-work challenges for individuals with special needs. International Journal of Educational Vocational Guidance, v. 11, p. 125-137, jun. 2011.

NELSON, Theodor Holm. A file structure for the complex: the changing and the indeterminate. In: Proceedings of the ACM 20th National Conference. 1965. pp. 84-100.

NÉRICE, Imideo Giuseppe. Introdução à orientação educacional. 5ª Ed. São Paulo: Atlas, 1992.

PINTO, Telma Maranhão Gomes; CASTANHO, Marisa Irene Siqueira. Sentidos da escolha e da orientação profissional: um estudo com universitários. Estud. psicol., v. 29, n. 3, p. 395-413, set. 2012.

ROTHER, Edna Terezinha. Revisão sistemática x revisão narrativa. Acta Paul. enferm. São Paulo, v. 20, n. 2, p. 5-6, jun. 2007.

SÁNCHEZ, Maria Tamara Polo; JUSTICIA, Maria Dolores López. Transición al mundo laboral de estudiantes universitarios con discapacidad: experiencia de un programa formativo. REOP - Revista Española de Orientación y Psicopedagogía, [S.l.], v. 22, n. 3, p. 302-313, jan. 2014.

SOARES, Dulce Helena. O que é Orientação Profissional. São Paulo: Editora Brasiliense, 2009.

THE ECONOMIST. (2017, janeiro 14). Lifelong learning: how to survive in the age of automation – a special report. Equipping people to stay ahead of technological change. The Economist, Londres, Caderno 2, 1-8. Disponível em: https://learnmore.economist.com/story/585a4c7289933e0042490f8d/. Acesso em: 23 set. 2020.

WHITEMORE, Robin; KNAFL, Kathleen. The integrative review: updated methodology. Journal of Advanced Nursing, v. 52, n. 5, p. 546–553, dez. 2005.




DOI: https://doi.org/10.5902/1984686X53123

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

Periodicidade: Publicação contínua

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

A Revista Educação Especial agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

__________________________________________________