MICHEL DE MONTAIGNE E AS DIRETRIZES DE UMA EDUCAÇÃO PARA A AUTONOMIA

Joao Batista Andrade Filho

Resumo


Michel de Montaigne (1533 – 1592) foi um ilustre filósofo francês do período da Renascença. Portanto, viveu em um mundo em transição, rumando na direção do que convencionalmente passou a ser chamado de Modernidade. O momento histórico no qual está inserida sua biografia caracteriza-se por conflitos e perturbações sociais e políticas, bem como por descoberta de um novo mundo e avanços no conhecimento, reflexo de uma busca por desenraizamento de uma tradição medieval e pela construção de uma nova mentalidade pautada pela autonomia em relação aos ditames escolásticos. Montaigne herdou esse ímpeto e propôs uma filosofia humanista da qual deriva uma proposta educativa. Fizemos o presente artigo com o intuito de colher diretrizes para o ensino de filosofia no Ensino Médio. Inicialmente partimos do estudo do texto Montaigne: filosofia e educação para a vida, do professor Márcio Silveira Lemgruber. Posteriomente, aprofundamos a interpretação com o texto contido nos Ensaios, A educação da criança, reforçado com textos de outros autores como Cambi (1999) e Morandi (2002).

Palavras-chave


Educação; Autonomia; Ensino de Filosofia

Texto completo:

PDF

Referências


CAMBI, Franco. História da pedagogia. São Paulo: Fundação Editora da UNESP (FEU), 1999 – (Encyclopaideia).

CHAUÍ, Marilena. Montaigne: vida e obra. In. MONTAIGNE, Michel. Ensaios. Vol. I. Col.: Os Pensadores. Tradução de Sérgio Milliet. São Paulo: Editora Nova Cultural, 1996.

LEMGRUBER, Márcio Silveira. Montaigne: filosofia e educação para a vida. Educação in Foco. Juiz de Fora, v. 20, n. 2, p. 147-168, julho 2015/out. 2015.

MELANI, Ricardo. Considerações sobre o ensino de filosofia. In: Diálogo: primeiros estudos em filosofia. V. único. 2 ed. São Paulo: Moderna, 2016. pp.403-415.

MONDIN, Batista. Curso de filosofia. Vol. 2. São Paulo: Edições Paulinas, 1981.

MONTAIGNE, Michel. Ensaios. Vol. I. Col.: Os Pensadores. Tradução de Sérgio Milliet. São Paulo: Editora Nova Cultural, 1996.

MORANDI, Franc. Filosofia da educação. Bauru, SP: EDUSC, 2002.




DOI: https://doi.org/10.5902/2448065737966

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

A Revista Digital de Ensino de Filosofia - REFilo agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

_____________________________________________________________