Inclusão escolar: concepções de psicólogos escolares e educacionais

Thaisa da Silva Fonseca, Camila Siqueira Cronemberger Freitas, Fauston Negreiros

Resumo


Esse estudo teve como objetivo investigar a concepção de psicólogos escolares e educacionais sobre a inclusão escolar. Tratou-se de um estudo de campo, qualitativo, descritivo, que teve como participantes dez psicólogos escolares e educacionais que atuavam na Educação Básica em escolas da rede privada de ensino. O instrumento de coleta de dados utilizado foi um roteiro de entrevista semiestruturada, analisado pelo método da análise de conteúdo. Mediante a análise, obtiveram-se cinco categorias: inclusão escolar como relevante e desafiadora; inclusão escolar como obrigatoriedade legal; promoção da inclusão escolar; escola como espaço de aprendizagem e/ou socialização; e benefícios da inclusão escolar. Os resultados apontaram que os psicólogos escolares e educacionais concebem a inclusão escolar como um processo relevante, desafiador e benéfico para os envolvidos. Os desafios abrangeram aspectos relacionados principalmente à necessidade de suporte físico, humano e governamental para a efetivação da inclusão escolar. Os benefícios direcionaram-se para todos os alunos e para os profissionais que atuam no ambiente escolar. 


Palavras-chave


Educação Inclusiva; Educação Especial; Psicologia da Educação.

Texto completo:

PDF

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BARROS, M. C. M. S.; BRITO, M. I. M. S.; GUEDES, J. T. Educação inclusiva: possibilidades e desafios. Encontro Internacional de Formação de Professores e Fórum Permanente de Inovação Educacional, v. 10, n. 1, mês/mês, 2017.

CARVALHO, D. R.; CUBAS, J. M.; HACK, N. S.; SILVA, V. A.; SCATOLIN, S. Crianças e adolescentes com deficiência: revisão da literatura (2009-2015) frente à garantia de direitos. Revista Uniandrade, v. 18, n. 2, p. 74-85, mês/mês, 2017. Disponível em: Acesso em:

CARVALHO, Rosita Edler. Das políticas de educação especial às políticas de orientação inclusiva. In: ______. Escola inclusiva: a reorganização do trabalho pedagógico. Porto Alegre: Mediação, 2008. Cap. 3, p. 41-52.

DIAS, Paulo; SOUZA, Juliana; GONÇALVES, Manuela; FLORES, Pedro; PÉREZ, Juliana Diáz. Atitudes dos pares sobre a inclusão: contributos da adaptação de um instrumento. Psicologia, v. 30, n. 2, p. 95-106, dez., 2016. Disponível em: < http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0874-20492016000200008>. Acesso em: 10 out. 2017.

DINIZ, M. Inclusão de pessoas com deficiência e/ou necessidades específicas: avanços e desafios. Autêntica, 2017.

FERREIRA, Maria Cecília Carareto; FERREIRA, Júlio Romero. Sobre inclusão, políticas públicas e práticas pedagógicas. In: GÓES, Maria Cecília Rafael de; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Políticas e práticas de educação inclusiva. Campinas: Autores Associados, 2013. Cap. 2, p. 21-46.

FERNANDES, Sueli. Fundamentos para educação especial. Curitiba: InterSaberes, 2013.

GIL, Antonio Carlos. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 4. ed. São Paulo: Editora Atlas S.A, 2009.

GÓES, Maria Cecília Rafael de. Desafios da inclusão de alunos especiais: a escolarização do aprendiz e sua constituição como pessoa. In: GÓES, Maria Cecília Rafael de; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Políticas e práticas de educação inclusiva. Campinas: Autores Associados, 2013. Cap. 4, p. 65-84.

GÓES, Maria Cecília Rafael de; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Apresentação. In: _____. Políticas e práticas de educação inclusiva. Campinas: Autores Associados, 2013. Apresentação, p. 01-04.

JANNUZZI, Gilberta de Martino. A educação do deficiente no Brasil. Autores Associados, 2017.

KASSAR, Mônica de Carvalho Magalhães. Matrículas de crianças com necessidades educacionais especiais na rede de ensino regular: do que e de quem se fala? In: GÓES, Maria Cecília Rafael de; LAPLANE, Adriana Lia Friszman de. Políticas e práticas de educação inclusiva. Campinas: Autores Associados, 2013. Cap. 3, p. 47-64.

LUCCA, Josiele Giovana de; BAZON, Fernanda Vilhena Mafra; LOZANO, Daniele. A inclusão escolar no município de Araras: condições e perspectivas. Educação: Teoria e Prática, Rio Claro, v. 25, n. 49, p. 340-356, mai./ago. 2015. Disponível em: < http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/7747/6859 >. Acesso em: 21 abr. 2016.

MACHADO, Laêda Bezerra; ALBUQUERQUE, Ednea Rodrigues de. Inclusão de alunos com deficiência na escola pública: as representações sociais de professoras. Revista Diálogo Educacional, v. 12, n. 37, p. 1085-1104, set./dez,, 2017. Disponível em: Acesso em: 10 out. 2017

MACHADO, Dalva Míssias; OLIVEIRA, Elisangela Sobreira de. Inclusão escolar: estratégia docente no processo de avaliação. Revista Farol, v. 2, n. 2, p. 81-97, set./, 2017. Disponível em: .Acesso em: 10 out. 2017.

MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva. Contribuições para o debate sobre a aprendizagem da pessoa com deficiência na escola. In: MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva (Org.) Educação inclusiva: escolarização, política e formação docente. Brasília: Liber Livro, 2011. Cap. 5, p. 91-106.

MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva; CARDOSO, Ana Paula Lima Barbosa. Educação especial e educação inclusiva: conceitos e políticas educacionais. In: MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva (Org.) Educação inclusiva: escolarização, política e formação docente. Brasília: Liber Livro, 2011. Cap. 1, p.13-34.

MANZINI, Eduardo José. Uso da entrevista em dissertações e teses produzidas em um programa de pós-graduação em educação. Revista Percurso, Maringá, v. 4, n. 2, p. 149-171, 2012. Disponível em: < http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/Percurso/article/view/18577>. Acesso em: 27 jul. 2017.

MARIN, Alda Junqueira; ZEPPONE, Rosimeire Maria Orlando. O trabalho docente e a inclusão escolas: impactos e mudanças em sala de aula. Olhar de Professor, Ponta Grossa, v. 15, n. 1, p. 145-155, 2012. Disponível em: < http://www.uepg.br/olhardeprofessor>. Acesso em: 21 abr. 2016.

MENDES, Enicéia Gonçalves. A radicalização do debate sobre inclusão escolar no Brasil. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 33, p. 387-559, set./dez. 2006. Disponível em: . Acesso em: 17 out. 2015.

MENDES, Enicéia Gonçalves; RODRIGUES, Olga Maria Piazentin Rolim; CAPELLINI, Vera Lúcia Messias Fialho. O que a comunidade quer saber sobre educação inclusiva. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 9, n. 2, p. 181-194, jul./dez. 2003. Disponível em: < http://www.abpee.net/homepageabpee04_06/artigos_em_pdf/revista9numero2pdf/5mendes_rodrigues_capellini.pdf>. Acesso em: 26 fev. 2016.

MIETO, Gabriela Sousa de Melo; BARBATO, Silviane; ROSA, Alberto. Professores em transição: produção de significados em atuação inicial na inclusão escolar. Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 32, n. 5, p. 1-10, 2017. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-37722016000500209&script=sci_abstract&tlng=pt>. Acesso em: 10 out. 2017.

PLETSCH, Márcia Denise; SOUZA, Flávia Faissal de; ORLEANS, Luis Fernado. A diferenciação e o desenho universal na aprendizagem como princípios para a inclusão escolar. Revista Educação e Cultura Contemporânea, v. 14, n. 35, p. 264-281, 2017. Disponível em: < http://periodicos.estacio.br/index.php/reeduc/article/viewArticle/3114>. Acesso em: 10 out. 2017.

RODRIGUES, Maria Marilê. As contribuições de Vygotsky para o desenvolvimento das crianças com deficiência. Id on Line Revista de Psicologia, v. 10, n. 33, p. 320-228, jan., 2017. Disponível em: < https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/657/926>. Acesso em: 10 out. 2017.

SANTOS, Geandra Cláudia Silva. O professor e a educação de alunos com desenvolvimento atípico: reflexões e pistas de ações significativas. In: MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva (Org.) Educação inclusiva: escolarização, política e formação docente. Brasília: Liber Livro, 2011. Cap. 6, p.107-134.

SILVA, Aline Maira da. A filosofia da normalização e o movimento de integração escolar. In: ______. Educação especial e inclusão escolar: histórias e fundamentos. Curitiba: Ibpex, 2010. Cap. 2, p. 49-89.

SOUZA, F. S. A atuação do psicólogo no contexto escolar em uma perspectiva crítica. Colloquium Humanarum, v. 14, n. 1, p. 01-06, março, 2017.

ZUCCHETTI, Dinora Tereza. A inclusão escolar vista sob a ótica de professores da escola básica. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 27, n. 02, p. 197-218, ago. 2011. Disponível: . Acesso em: 24 mar. 2016.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1984686X30410

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

 

 

Periodicidade – Publicação contínua


O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

____________________________________________________