A educação integral no mais educação: uma análise do programa

Autores

  • Camila Aparecida Pio Mestrado em Educação da Universidade Estadual de Londrina - UEL
  • Eliane Cleide da Silva Czernisz Doutora em Educação e professora do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina.

DOI:

https://doi.org/10.5902/1984644415078

Palavras-chave:

Educação, Políticas Educacionais, Programa Mais Educação,

Resumo

O texto analisa o Programa Mais Educação e tem como objetivo discutir a proposta de Educação Integral no referido Programa, implantado no Governo Lula. A proposta deste Programa e a forma como a Educação Integral é nele contemplada são questionadas neste estudo que se utiliza de pesquisa e discussão bibliográfica, análise de documentos. O Programa Mais Educação desenvolve-se como ação do Plano de Desenvolvimento da Educação e a Educação Integral é reforçada como meta do Plano Nacional de Educação. Como resultados, verifica-se que, no primeiro Governo Lula, a educação é apresentada como meta de inclusão social, e no segundo mandato, a meta do desenvolvimento do país a partir da educação de qualidade. Mostra-se que a Educação Integral implementada corresponde à ampliação do tempo de permanência do aluno na escola

Biografia do Autor

Camila Aparecida Pio, Mestrado em Educação da Universidade Estadual de Londrina - UEL

Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Norte do Paraná, Campus de Cornélio Procópio, especialista em Políticas Públicas para a Educação pela Universidade Estadual do Norte do Paraná, Campus de Cornélio Procópio, aluna do Programa de Mestrado em Educação da Universidade Estadual de Londrina.

Downloads

Publicado

2014-12-24

Como Citar

Pio, C. A., & Czernisz, E. C. da S. (2014). A educação integral no mais educação: uma análise do programa. Educação, 40(1), 241–254. https://doi.org/10.5902/1984644415078

Edição

Seção

Artigo Demanda Contínua

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.