Adaptação curricular e o papel dos conceitos científicos no desenvolvimento de pessoas com necessidades educacionais especiais

Adriane Cenci, Magda Floriana Damiani

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/1984686X7675

O trabalho fundamenta-se na teoria histórico-cultural, a partir de Vygotski, e nos Parâmetros Curriculares Nacionais: Adaptações Curriculares (1998), objetivando discutir a importância da aprendizagem de conceitos científicos (os conceitos aprendidos mediante instrução formal/escolar) para o desenvolvimento dos alunos com necessidades educacionais especiais. Caracteriza-se como um ensaio teórico, apoiado em pesquisa bibliográfica. O eixo da discussão está na ideia de adaptação/flexibilização curricular, uma vez que não há inclusão real sem considerar a individualização do ensino para atender às especificidades dos alunos. A importância atribuída ao currículo escolar e aos conceitos científicos nele visados assenta-se na premissa vygotskiana de que aprendizagem promove desenvolvimento – de acordo com Vygotski, a sistematização e conscientização entram na mente da criança através do aprendizado dos conceitos científicos. Devido à importância desses conceitos, é preciso cuidado ao pensar nas adaptações curriculares; sob justificativa de adequar o ensino e o currículo às especificidades dos alunos que apresentam necessidades especiais, muitas vezes, se abre mão dos conteúdos formais, pressupondo que não estariam ao alcance desse aluno, especialmente daquele em que as dificuldades são mais acentuadas. Concluiu-se que é a aprendizagem – aprendizagem de conceitos científicos – que alavanca o desenvolvimento cognitivo, então é nesse ponto que a escolarização deve investir. É imperativo lutar por uma escola inclusiva onde, de fato, se aprenda – aprenda conteúdos.


Palavras-chave


Adaptação curricular; Conceitos científicos; Aprendizagem.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/1984686X7675

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

Periodicidade: Publicação contínua

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

A Revista Educação Especial agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

__________________________________________________