A emergência da Educação Especial como campo de saber e suas atualizações para o presente

Leandra Bôer Possa

Resumo


A centralidade do sujeito como objeto e protagonista da produção dos saberes na modernidade, narra a história e produção de conhecimentos verdadeiros, a descrição de um lugar da normalidade em contraponto com a anormalidade e um ordenando de um campo de saber chamado de Educação Especial. Esta é a tônica deste artigo que pretende olhar para a atualidade dos relatóriosem que Jean Itardrelata sua atuação e o conseqüente processo educativo de Victor, o menino selvagem. Sob a perspectiva das noções de ordenamento dos saberes e normalização, retirada dos estudos foucautianos, realiza-se uma analítica dos fragmentos dos relatórios de Jean Itard como acontecimento que possibilitam compreender de que forma essas experiências, do início do século XIX, constituem-se contemporâneas para o campo de saber da Educação Especial. 


Palavras-chave


Ordem do saber; Normalização; Educação Especial

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1984686X23647

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

 

 

Periodicidade – Publicação contínua


O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

____________________________________________________