IMPACTOS FINANCEIROS DOS GASTOS DAS MEDIDAS DE GESTÃO AMBIENTAL EM UMA UNIDADE DE ABASTECIMENTO DE POSTO DE COMBUSTÍVEL

Francieli Rosa de Franceschi, Vanessa de Matos da Costa, Jaqueline Carla Guse, Luiz Antonio Rossi de Freitas, Marivane Vestena Rossato, Andrea Cristina Dorr, Daniel Benitti Lorenzett

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/223613085900

O meio ambiente é um recurso indispensável à sobrevivência da humanidade, como também são indispensáveis certas atividades econômicas, sendo de difícil conciliação uma convivência pacífica entre ambas. Sabe-se da preocupação crescente em propor um desenvolvimento econômico contemplando questões relacionadas ao meio ambiente, de forma a promover condições ambientais básicas, não agredindo a natureza e o local onde tais empreendimentos são instalados. Nesse sentido, os postos de combustíveis, por serem caracterizados pelo desenvolvimento de atividades de alto risco para o meio ambiente, devem investir em proteção ambiental de forma a tornar sua atividade menos agressiva possível. Qualquer medida de gestão ambiental adotada a fim de preservar o meio ambiente envolve o consumo de recursos, que necessitam ser controlados e corretamente contabilizados. Assim sendo, é dever da contabilidade identificar e avaliar os eventos econômico-financeiros relacionados ao meio ambiente, capazes de afetar o estado patrimonial e o resultado das entidades. Este estudo buscou identificar as medidas de gestão ambiental implantadas pela Cooperativa dos Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Santa Maria/RS, além de analisar os gastos associados às ações de gestão ambiental. Foi empregada a técnica da observação aliada à técnica da entrevista estruturada. Os resultados revelaram que os custos ambientais tiveram uma representatividade negativa para a empresa, ou seja, ao invés de contribuir para a manutenção e o crescimento da empresa, representaram um sacrifício econômico, visto que não se diluíram no volume das receitas do decorrer do exercício.

Palavras-chave


Contabilidade Ambiental. Gastos Ambientais. Comércio de Combustíveis.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/223613085900

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.