VULNERABILIDADE DO AQUÍFERO À CONTAMINAÇÃO NO MUNICÍPIO DE SEBERI/RS

Willian Fernando de Borba, Pedro Daniel da Cunha Kemerich, Leonidas Luis Descovi Vicato Filho, Pablo Ricardo Piceti Pretto, Carlos Eduardo Balestrin Flores, Jacson Rodrigues França, Diego Hinteholz

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2236130810941

A avaliação da vulnerabilidade de aquíferos à contaminação representa uma importante ferramenta para gestão dos recursos hídricos subterrâneos, pois permite identificar quais as áreas mais vulneráveis a contaminação na área em estudo. O presente artigo utilizou a metodologia GOD de avaliação da vulnerabilidade do aquífero à contaminação no município de Seberi/RS. Os resultados demonstraram que este município apresenta vulnerabilidade de baixa à alta, seguindo a direção sudoeste para nordeste. As áreas urbanas deste município detêm o maior número de informações referentes a captações e, portanto, apresenta maior confiabilidade nos resultados, apresentando vulnerabilidades baixa em sua porção sudoeste, média na porção central e alta na porção nordeste.


Palavras-chave


Gestão dos recursos hídricos subterrâneos, método GOD, vulnerabilidade do aquífero à contaminação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2236130810941

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.