Produção de biomassa no corte raso em plantio de Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze de 27 anos de idade em Quedas do Iguaçu, PR

Mauro Valdir Schumacher, Rudi Witschoreck, Francine Neves Calil, Vicente Guilheme Lopes, Márcio Viera

Resumo


Este trabalho, realizado em um povoamento de Araucaria agustifolia de 27 anos de idade no município de Quedas do Iguaçu (PR), teve como objetivos: estimar a biomassa nos diferentes componentes das árvores, no sub-bosque e na serapilheira acumulada sobre o solo. A biomassa foi estimada por meio do ajuste de equações de regressão, com coleta de 21 árvores distribuídas em sete classes diamétricas, serapilheira e o sub-bosque com base em unidades amostrais de área conhecida. A biomassa total do povoamento foi de 241,92 Mg ha-1, sendo 82,2% de Araucaria angustifolia, 9,6% de sub-bosque e 8,2% de serapilheira. Considerando apenas a biomassa de Araucaria angustifolia, 198,62 Mg ha-1, madeira do tronco (51,5%), casca do tronco (14,7%), raiz (13,0%), galhos vivos (11,8%), grimpas (ramos aciculados) (8,6%) e galhos mortos (0,5%). A produção relativa de biomassa no componente madeira do tronco pode ser menor, quando comparado com outras espécies florestais, sobretudo por causa da elevada alocação no componente casca do tronco.

Palavras-chave


sustentabilidade; colheita florestal; sub-bosque; serapilheira

Texto completo:

PDF

Referências


BALDWIN Jr. et al. The effects of spacing and thinning on stand and tree characteristics of 38-year-old loblolly pine. Forest Ecology and Management, Amsterdam, v. 137, n. 1-3, p. 91-102, 15 Oct. 2000.

BINKLEY, D. Forest nutrition management. New York: John Wiley & Sons, 1986. 290 p.

BIZON, J. M. C. Avaliação da sustentabilidade nutricional de plantios de Pinus taeda L. usando um balanço de entrada-saída de nutrientes. 2005. 95 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Florestais)–Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Piracicaba, 2005.

CARVALHO, P. E. R. Espécies florestais brasileiras: recomendações silviculturais, potencialidades e uso da madeira. Colombo: EMBRAPA-CNPF, 1994. 640 p.

COSTA, L. M. Manejo de solos em áreas florestais. In: BARROS, N. F.; NOVAIS, R. F. (eds.) Relação solo eucalipto. Viçosa: Ed. Folha de Viçosa, 1990. cap. 6, p. 237-302.

EPSTEIN, E.; BLOOM, A. J. Nutrição mineral de plantas. Londrina, Ed. Planta, 2006. 403 p.

GONÇALVES, J. L. M. et al. An evaluation of minimum and intensive soil preparation regarding fertility and tree nutrition. In: GONÇALVES, J. L. M. e BENEDETTI, V. (eds.). Forest nutrition and fertilization. Piracicaba: IPEF, 2004. cap. 2, p. 13-64.

IAPAR – Instituto Agronômico do Paraná. Disponível em: < (HTTP://www.iapar.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=677) > acessado em: 10 de maio de 2010.

KOEHLER, H. S.; WATZLAWICK, L. F.; KIRCHNER, F. F. Fontes e níveis de erros nas estimativas do potencial de fixação de carbono. In: Sanquetta, C. R. et al. (eds.). As florestas e o carbono. Curitiba: UFPR, 2002. cap. 13, p. 251-264.

KRAPFENBAUER, A.; ANDRAE, F. Inventário de um reflorestamento de araucária de 17 anos em Passo Fundo – RS: inventário da biomassa. In: ANDRAE, F.; KRAPFENBAUER, A. Pesquisa austríaco-brasileira (1973-1982). Santa Maria, 1983. p. 30-55.

LADEIRA, B. C. et al. Produção de biomassa de eucalipto sob três espaçamentos em uma seqüência de idade. Revista Árvore, Viçosa, v. 25, n. 1, p. 69-78, jan./mar. 2001.

LANDSBERG, J. J. Physiological ecology of forest production. London: Academic Press, 1986. 198 p.

LEITE, F. P. et al. Crescimento de Eucalyptus grandis em diferentes densidades populacionais. Revista Árvore, Viçosa, v. 21, n. 3, p. 313-321, jun./set. 1997.

LELES, P. S. S. et al. Relações hídricas e crescimento de árvores de Eucalyptus camaldulensis e Eucalyptus pellita sob diferentes espaçamentos na região de cerrado. Revista Árvore, Viçosa, v. 22, n. 1, p. 41-50, jan./mar. 1998.

MACHADO, S. A.; SIQUEIRA, J. D. P. Distribuição natural da Araucaria angustifolia (Bert.) O. Ktze. In: PROBLEMAS FLORESTAIS DO GÊNERO ARAUCARIA, 1979, Curitiba. Anais... Curitiba: IUFRO, 1980. p. 4-9.

MARTIN, T. A.; JOKELA, E. J. Stand development and production dynamics of loblolly pine under a range of cultural treatments in north-central Florida USA. Forest Ecology and Management, Amsterdam, v. 192, n. 1, p. 39-58, 19 Apr. 2004.

ODUM, E. P. Ecologia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1988. 434 p.

PALLARDY, S. Physiology of woody plants. San Diego: Academic Press, 2008. 454 p.

PEREIRA, A. R. et al. Concentração e distribuição de nutrientes em Eucalyptus grandis em função da idade, cultivado na região do cerrado. Brasil Florestal, Brasília, n. 59, p. 27 – 37, jun./set. 1984.

POGGIANI, F. Nutrient cycling in Eucalyptus and Pinus plantations ecosystems. Silvicultural implications. IPEF, Piracicaba, n. 31, p. 33-40, dez. 1985.

PRITCHETT, W. L. Suelos forestales: propriedade, conservación y mejoramento. México: Limusa Noriega, 1990. 634 p.

REIS, M. G. F.; BARROS, N. F. Ciclagem de nutrientes em plantios de eucalipto. In: BARROS, N. F.; NOVAIS, R. F. (eds). Relação solo eucalipto. Viçosa: Ed. Folha de Viçosa, 1990. cap. 7, p. 265-302.

REIS, M. G. F.; BARROS, N. F.; KIMMINS, J. P. Acúmulo de nutrientes em uma seqüência de idade de Eucalyptus grandis W. Hill (ex-Maiden) plantado no cerrado, em duas áreas com diferentes produtividades, em Minas Gerais. Revista Árvore, Viçosa, v. 11, n. 1, p. 1-15, jan./jun. 1987.

REIS, M. G. F. et al. Acúmulo de biomassa em uma seqüência de idade de Eucalyptus grandis plantado no cerrado em duas áreas com diferentes produtividades. Revista Árvore, Viçosa, v. 9, n. 2, p. 149-162, jul./dez. 1985.

REITZ, R.; KLEIN, R. M.; REIS, A. Projeto madeira do Rio Grande do Sul. Herbário Barbosa Rodrigues, Governo do Estado do Rio Grande do Sul, 1988. 525 p.

SANQUETTA, C. R. et al. Relações individuais de biomassa e conteúdo de carbono em plantações de Araucaria angustifolia e Pinus taeda no sul do estado do Paraná, Brasil. Revista Acadêmica, Curitiba, v. 1, n. 3, p. 33-40, jul./set. 2003.

SAS. Statistical analysis system: Programa de computador, ambiente VM. Cary, 1993. Versão 6.08.

SCHUMACHER, M. V.; HOPPE, J. M.; BARBIERI, S. J. Quantificação da biomassa e do conteúdo de nutrientes no primeiro desbaste de uma floresta de Araucaria angustifolia (Bertoloni) Otto Kuntze. na região de Quedas do Iguaçu – PR. Santa Maria: UFSM/ DCFL/CEPEF. 2000. 43 p. (Relatório Técnico).

SCHUMACHER, M. V.; COPETTI, L.; WITSCHORECK, R. Quantificação da biomassa e nutrientes em um povoamento de Pinus taeda aos 18 anos de idade na região de Cambará do Sul – RS. Santa Maria: UFSM/FATECIENS, Departamento de Ciências Florestais. 2002. 47 p. (Relatório Técnico).

SCHUMACHER, M. V. et al. Quantificação do carbono e dos nutrientes em florestas de eucalipto de diferentes idades. Santa Maria: UFSM/FATECIENS, Departamento de Ciências Florestais, 2003. 112 p. (Relatório Técnico).

SCHUMACHER, M. V. et al. Produção de serapilheira em uma floresta de Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze no município de Pinhal Grande-RS. Revista Árvore, Viçosa, v. 28, n. 1, p. 29-37, jan./fev. 2004.

SCHUMACHER, M. V. et al. Devolução de serapilheira e nutrients em área de segunda rotação com Pinus taeda L. Santa Maria: UFSM/FATECIENS, Departamento de Ciências Florestais, 2007. 27 p. (Relatório Técnico).

SCHUMACHER, M. V.; WITSCHORECK, R. Quantificação da biomassa e dos nutrientes no corte raso de um povoamento de Pinus taeda L. em Cambará do Sul – RS. Santa Maria: UFSM/FATECIENS, Departamento de Ciências Florestais. 2008. 37 p. (Relatório Técnico).

SCHNEIDER, P. R.; SCHNEIDER, P. S. P.; SOUZA, C. A. M. Análise de regressão aplicação à engenharia florestal. 2. ed. rev. e ampl. Santa Maria: FACOS, 2009. 294 p.

TURNER, J.; LAMBERT, M. J. Nutrient cycling within a 27-year-old Eucalyptus grandis plantation in New South Wales. Forest Ecology and Management. v. 6, n. 2, p. 155-168. July 1983.

VALERI, S. V. Exportação de biomassa e nutrientes de povoamentos de Pinus taeda L. desbastados em diferentes idades. 1988. 164 f. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal)–Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 1988.

WARING, R. H.; SCHLESINGER, W. H. Forest ecosystems: concepts and management. San Diego: Academic Press, 1985. 340 p.

WATZLAWICK, L. F. et al. Quantificação de biomassa total e carbono orgânico em povoamentos de Araucaria angustifolia (Bert.) O. Kuntze no sul do estado do Paraná, Brasil. Revista Acadêmica, Curitiba, v. 1, n. 2, p. 63-68, abr./jun. 2003.

WITSCHORECK, R. Biomassa e nutrientes no corte raso de um povoamento de Pinus taeda L. de 17 anos de idade no município de Cambará do Sul – RS. 2008. 80 f. Dissertação (Mestrado e Engenharia Florestal)–Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/198050982747

Licença Creative Commons