INDUÇÃO DE BROTAÇÕES EPICÓRMICAS POR MEIO DE ANELAMENTO E DECEPA EM ERVA-MATE

Carlos André Stuepp, Juliany de Bitencourt, Ivar Wendling, Henrique Soares Koehler, Katia Christina Zuffellato-Ribas

Resumo


A erva-mate (Ilex paraguariensis) é uma espécie arbórea, nativa da América do Sul e largamente consumida na forma de chá. Em ervais debilitados, a poda de recuperação é utilizada para a retomada do vigor vegetativo, bem como o anelamento, os quais estimulam a emissão de brotações. O presente trabalho teve como objetivos verificar a influência do anelamento em combinação com a aplicação de diferentes concentrações de benzil-amino-purina (BAP) e da decepa em diferentes alturas na emissão de brotações por matrizes de erva-mate de 17 e mais de 80 anos de idade, no inverno/2006 e verão/2007. O anelamento foi realizado com motosserra a uma altura de 30 cm do solo, seguido do tratamento com BAP, veiculado em pasta de vaselina, nas concentrações de 0, 150 e 300 mg Kg-1. A decepa foi realizada também com motosserra, sendo os tratamentos três alturas de corte: 15, 30 e 60 cm do solo. Após 6 e 12 meses da instalação foram avaliadas as seguintes variáveis: porcentagem de matrizes brotadas, número de brotações por árvore (ou cepa), comprimento e diâmetro das brotações. Os resultados obtidos mostram que a erva-mate tem boa capacidade de brotação, para as duas técnicas utilizadas. A eficiência na emissão de novos brotos no anelamento é influenciada pela idade da planta matriz e pela estação do ano. Os maiores valores foram obtidos no inverno/2006 e com matrizes de 17 anos de idade, chegando a 95,84% de indução de brotações. Na técnica da decepa, não foi observada influência da época de instalação na porcentagem de brotação, mas a idade da matriz e a altura do corte foram significativos para esta variável. Os maiores valores foram obtidos com matrizes de 17 anos e altura de corte a 60 cm do solo.


Palavras-chave


benzil-amino-purina (BAP); Ilex paraguariensis; rejuvenescimento; resgate vegetativo.

Texto completo:

PDF

Referências


AMRI, E. et al. "Vegetative propagation of African Blackwood (Dalbergia melanoxylon Guill. & Perr.): effects of age of donor plant, IBA treatment and cutting position on rooting ability of stem cuttings". New Forests, v.39, n.2, p.183-194, 2010.

ASSIS, T.F.; TEIXEIRA, S.L. Enraizamento de plantas lenhosas. In: TORRES, A.C.; CALDAS, L.S., BUSO, J.A. (Ed.) Cultura de tecidos e transformação genética de plantas. Brasília: Embrapa – SPI / Embrapa – CNPH, p.261-296, 1998.

BITENCOURT, J. et al. Estaquia de Ginkgo biloba L. utilizando três substratos. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, v.12, n.2, p.135-140, 2010.

BITENCOURT, J. et al. Enraizamento de estacas de erva-mate (Ilex paraguariensis St. Hill) provenientes de brotações rejuvenescidas. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, v.11, p.277-281, 2009.

BORGES JUNIOR, N. et al. Multiplicação in vitro de gemas axilares de acácia-negra (Acacia mearnsii De Wild.). Revista Árvore, v.28, n.4, p.493-498, 2004.

BRONDANI, G.E. et al. Estabelecimento, multiplicação e alongamento in vitro de Eucalyptus benthamii Maiden & Cambage x Eucalyptus dunnii Maiden. Revista Árvore, v.33, n.1, p.11-19, 2009.

CARVALHO, P.E.R. Espécies arbóreas brasileiras (Coleção Espécies Arbóreas Brasileiras), v.1, Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica; Colombo: Embrapa Florestas, p.457-466, 2003.

DARTORA, N. et al. Rhamnogalacturonan from Ilex paraguariensis: A potential adjuvant in sepsis treatment. Carbohydrate Polymers, v.92, n.2, p.1776-1782, 2013.

DOMINGOS, D.M.; WENDLING, I., Sobrevivência e vigor vegetativo de plantas de erva-mate (Ilex paraguarienis A. St.-Hil.) enxertadas diretamente a campo. Ciência Florestal, v.16, n.1, p.107-12, 2006.

FERREIRA, B.G.A. et al. Miniestaquia de Sapium glandulatum (vell.) pax com o uso de ácido indol butírico e ácido naftaleno acético. Ciência Florestal, v.20, n.1, p.19-31, 2010.

GALLOTTI, G.J.M.; PETRI, J.L. Teste de estimulantes de brotação em erveiras nativas. In: CONGRESSO SUL-AMERICANO DA ERVA-MATE, 1.; REUNIAO TECNICA DO CONE SUL SOBRE A CULTURA DA ERVA-MATE, 2., 1997, Curitiba. Anais... Colombo: EMBRAPA-CNPF, p. 99-120, 1997.

HACKETT, W.P. Donnor plant maturation. In: DAVIS, T.D.; HAISSIG, B.E.; SANKHLA, N. (Ed.). Adventitious root formation in cuttings. Portland: Dioscorides Press, v.2, 1988. p.11-28.

HARTMANN, H.T.; KERSTER, D.E.; DAVIES JR, F.T.; GENEVE, R.L. Hartmann and Kerster´s PLANT PROPAGATION: principles and practices. 8. ed. Boston: Prentice Hall, 2011, 915p.

MEDRADO, M.J.S. et al. Recuperação de ervais degradados, Comunicado Técnico, 86. Colombo: Embrapa Florestas, 6p, 2002.

MELO, L.A. et al. Methodology for stock plants rescue and cuttings rooting of Eremanthus erythropappus. Revista Cerne, v.18, n.4, 2012.

PERRANDO, E.R.; CORDER, M.P.M., Rebrota de cepas de Acacia mearnsii em diferentes idades, épocas do ano e alturas de corte. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.41, n.4, p.555-62, 2006.

RIBEIRO, F.A. et al. Influência da anelagem e reguladores de crescimento na indução da brotação de cepas de Eucalyptus grandis W. Hill. Ex Maiden. Revista Árvore, v.16, n.3, p.247-254, 1992.

SANTIN, D. et al. Poda e anelamento em erva-mate (Ilex paraguariensis) visando à indução de brotações basais. Pesquisa Florestal Brasileira, n.56, p.97-104, 2008.

SCHUCH, S.L.C.; LAZZARI, A.L.F. Dados preliminares sobre a recuperação de ervais improdutivos através da pratica da decepa. In: SEMINARIO SOBRE ATUALIDADES E PERSPECTIVAS FLORESTAIS: Silvicultura da Erva-mate (Ilex paraguariensis), 10., 1983, Curitiba. Anais... Curitiba: EMBRAPA-CNPF, p.109-110, 1985.

STUEPP, C.A. et al. Enraizamento de melaleuca: influência da altura de coleta das estacas e aplicação de iba. Colloquium Agrariae, v.9, p.01-09, 2013.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia Vegetal. 4 ed. Porto Alegre: Artmed, 2009. p. 622-624.

WENDLING, I. et al. Vegetative propagation of adult Ilex paraguariensis trees through epicormic shoots. Acta Scientiarum, v.35, n.1, p.117-125, 2013.

WENDLING, I. et al. Maturation and related aspects in clonal forestry-part II: reinvigoration, rejuvenation and juvenility maintenance. New Forests, v.1, p.1-14, 2014.

ZANIOLO, S.R.; ZANETTE, F. Micropropagação de erva-mate a partir de segmentos nodais. Scientia Agraria, v.2, n.1-2, p. 39-44, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1980509824230

Licença Creative Commons