Espécies de Pisolitus sp. na produção de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden em solo arenoso.

Robson Andreazza, Zaida Inês Antoniolli, Rodrigo Ferreira da Silva, Solon Jonas Longhi

Resumo


O objetivo do trabalho foi avaliar a ação de isolados de fungos ectomicorrízicos nativos de São Francisco de Assis, na produção de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden, em solo arenoso, na presença de dois níveis de fósforo. O experimento foi instalado em casa de vegetação num bifatorial (4 x 2 x 3), três tratamentos de fungos ectomicorrízicos ( FSE- S, F1-RS e Pt Silv.1) e uma testemunha, dois níveis de fósforo (natural ou existente no solo (8 mg.kg-1) e adição de 30 mg.kg-1 de fósforo), em três repetições. Avaliaram-se a massa verde da parte aérea e radicial, massa seca da parte aérea, altura de planta, diâmetro do colo, comprimento e área superficial específica radicial, colonização micorrízica e teores de nitrogênio, fósforo e potássio. A adição de fungos ectomicorrízicos nativos na produção de mudas apresentou resultados melhores do que os demais tratamentos aplicados, em solo arenoso.


Palavras-chave


fungo ectomicorrízico; fósforo; solo arenoso

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, L.; MENDONZA, E.A.; SILVA FILHO, G.N. microrganismos solubilizadores de fosfatos e o crescimento de pinus e eucalipto. Revista Brasileira de Ciência do Solo. v. 26, p. 939-947, 2002.

AZEVEDO, A.; KAMINSKI, J.Considerações sobre os solos dos campos de areia no Rio Grande do Sul. Ciência e Ambiente, v. 11, p. 65-70, 1990.

BREMNER, J.M.; KEENEY, D.R. Steam destillation methods for determination of ammonia, nitrate and nitrite. Anal. Chem. Acta., Amsterdam, v.32, p.485-495, 1965.

BRUNDRETT, M.; BOUGHER, N.; DELL, B.; GROVE, T.; MALAJCZUK, N. Working with mycorrhizas in forestry and agriculture. Canberra: ACIAR, 1996. 400 p.

CHAVES, L.F.C. et al. Crescimento de mudas de Jacaranda-da-Bahia (Dalbergia nigra (Vell) Fr. Allem.) em resposta a inoculação com fungos micorrízicos arbusculares em diferentes níveis de fósforo no solo. Revista Árvore, v.19, n.1. p 32-49, 1995.

EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa Tecnológica em Informática para Agricultura. Ambiente software NTIA, versão 4.2.2: manual do usuário - ferramental estatístico. Campinas, 1997.

GIOVANNETTI, M.; MOSSE, B. An evaluation of techniques for measuring vesicular-arbuscular mycorrhizal infection in roots. New Phytologist, Cambridge, v.84, n.3, p.489-500, 1980.

GRAZZIOTTI, P.H.; SIQUEIRA, J.O.; MOREIRA, F.M.; CARVALHO, D. Efeito de Zn, Cd e Cu no comportamento de fungos ectomicorrízicos em meio de cultura. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 25, p. 831-837, 2001.

HEWITT, E. Sand and water culture methods used in the study of plant nutrition. Commonwealth Agricultural Bureaux. Faruham Royal. UK, 1966.

MARX, D.H.; HEDIN, A.; TOE IV, S.F.P. Field performance of Pinus caribaea var. hondurensis seedlings with specific ectomicorrhizae and fertilizer after three years on a savanna site in Liberia. For. Ecol. Mang., Amsterdam, v.13, p.1-25, 1985.

MARX, D.H. Tree host range and world distribution of the ectomycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius. Canadian Journal of Microbiology, v.23, n.1, p.217-223, 1977.

MARX, D.H. The influence of ectotrophic mycorrhizal fungi on the resistance of pine roots to pathogenic infections. V. Resistence of mycorrhizae to infections mycelium of Phytophthora cinnamomi. Phytopathology, Saint. Paul, v.61, p.1472-1473, 1970.

MARX, D.H. The influence of ectotrophic mycorrhizal fungi on the resistance of pine roots to pathogenic infections. I. Antagonism of mycorrhizal fungi to root pathogenic fungi and soil bacteria. Phytopathology, Saint. Paul, v.59, p.153-163, 1969.

MCCOMB, A.; GRIFFITH, J. Growth stimulation and phosphorus absorption of mycorrhizal and nonmycorrhizal northern white pine and Douglas fir seedlings in relation to fertilizer treatment. Plant Physiology, v. 21, p. 11-17, 1986.

MOREIRA, F.M.S.; SIQUEIRA, J.O. Microbiologia e bioquímica do solo. Lavras: Editora UFLS, 2002. p. 625.

MOSSE, B.; STRIBLEY, D.P.; LETACON, F. Ecology of mycorrhizae end mycorrhizal fungi. Adv. Microbial Ecol., v.5, p.137-210, 1981.

MURPHY, J.; RILEY, J.P. A modified single solution method for the determination of phosphate in natural waters. Anal. Chem. Acta., Amsterdam, v.27, p.31-36, 1962.

ROLAS . Recomendações de adubação e de calagem para os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. 3.ed. Passo Fundo: SBCS - Núcleo Regional Sul, Comissão de Fertilidade do Solo - RS/SC, 1995.

RUEHLE, J.L.; MARX, D.H. Developing ectomycorrhizae on containerized pine seedlings. 1977. (USDA Forest Serv. Res. Note SE-242).

SAFIR, G.R.; DUNIWAY, J.M. Evaluation of plant response to colonization by vesicular-arbuscular mycorrhizal fungi. In: SCHENCK, N.C. (Ed.). Methods and principles of mycorrhizal research. St. Paul: American Phytopathological Society, 1982. p.77-80.

SILVA, R.F. População de fungos micorrízicos e influência de ectomicorrizas na produção de mudas de Eucalyptus grandis e Pinus elliottii em solo arenoso. 2002. 105p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2002.

SILVA, R.F; ANTONIOLLI, Z.I; ANDREAZZA, R. Efeito da inoculação com fungos ectomicorrízicos na produção de mudas de Eucalyptus grandis W. ex. MAIDEN em solo arenoso. Ciência Florestal, Santa Maria, v.13, n.1, p.33-42, 2003.

SUERTEGARAY, D.M.A. Deserto Grande do Sul - controvérsia. Porto Alegre: Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1998. 109p.

SCHENCK, N.C.; SCHROEDER, V.N. Temperature response of Endogone mycorrhiza on soybean roots. Mycology, Madison, v.69, n.3, p.600-605, 1974.

SMITH, S.; READ, D. Mycorrhizal symbiosis. London: Academic Press, 1997. 605 p.

STRECK, E. V.; KAMPT, N. et al. Atualização da classificação taxonomica das unidades de mapeamento do levantamento de reconhecimento dos solos do estado do Rio Grande do Sul. Informativo da EMATERRS, v. 16, n. 5, 1999.

TAYLOR, A.F.S. Fungal diversity in ectomycorrhizal communities: sampling effort and species detection. Plant and Soil, v. 244, p. 19-28, 2002.

TAGU, D.; LAPEYRIE, F.; MARTIN, F. The ectomycorrhizal symbiosis: genetics and development. Plant and Soil, v. 244, p. 97-105, 2002.

TEDESCO, M.J.; GIANELLO, C. Análise de solo, plantas e outros materiais. Porto Alegre: Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1996. 188p.

TENNANT, D. A test of a modified liwe intersect method of estimating root lengh. Journal of Ecology, v.63, p.995-1001, 1975.

VIEIRA, R.F.; PERES, J.R. Seleção de fungos ectomicorrízicos eficientes para Eucalyptus grandis.. Revista Brasileira de Ciência do Solo, n. 12, p. 231-135, 1988a.

VIEIRA, R.F.; PERES, J.R. Determinação do teor de fósforo no solo para máxima eficiência da associação ectomicorrízica em Eucalyptus grandis. Revista Brasileira de Ciência do Solo, n. 12, p. 237-241, 1988b.

VIEIRA, R.F.; PERES, J.R. Fungos ectomicorrízicos para Pinus spp. cultivados em solos sob vegetação de cerrado. Revista Brasileira de Ciência do Solo, n. 14, p. 33-39, 1990.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/198050981806

Licença Creative Commons