A MERCANTILIZAÇÃO DA MORADIA E O PROGRAMA MINHA CASA, MINHA VIDA: DAS RELAÇÕES ENTRE ESTADO E AGENTES PRIVADOS À SEGREGAÇÃO SOCIOESPACIAL

Clarissa de Oliveira Gomes Marques da Cunha, Anne Gabriele Alves Guimarães

Resumo


A pesquisa se propõe a analisar de que modo a mercantilização da terra e o uso crescente da habitação como ativo financeiro globalizado afetam o exercício do direito à moradia adequada. A partir de um tipo bibliográfico com viés descritivo, destaca-se o abandono de políticas públicas em que a habitação é considerada um bem social ou meio de distribuição de riqueza. A disciplina de mercado assume o protagonismo nas cidades. Nesta perspectiva, toma-se como base o Programa Minha Casa, Minha Vida e suas articulações entre agentes públicos e privados para contextualizar o processo de financeirização da moradia e sua relação com a crescente segregação socioespacial no Brasil. Constata-se, portanto, que o PMCMV vem exercendo um papel ativo na perpetuação da segregação em razão da renda e na reiteração da periferia enquanto lugar dos desvalidos nas cidades brasileiras.


Palavras-chave


Capitalismo; Mercantilização; Moradia; Segregação.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAGÃO, Thêmis Amorim. A financeirização da moradia no Brasil: a cidade como direito ou mercadoria? Le Monde Diplomatique. Brasil, web, 26 ago. 2016.

BRAND, Ulrich. Estado e políticas públicas: sobre os processos de transformação. In: LANG, Miriam et al. (Org.). Descolonizar o imaginário. Debates sobre pós-extrativismo e alternativas ao desenvolvimento. São Paulo: Elefante, 2016, p. 123-137.

CARDOSO, Adauto Lúcio; JAENISCH, Samuel Thomas. Nova política, velhos desafios: problematizações sobre a implementação do programa Minha Casa Minha Vida na região metropolitana do Rio de Janeiro. E-metropolis: Revista eletrônica de Estudos Urbanos e Regionais, v. 5, p. 6-19, 2014.

CHOMSKY, Noam. O lucro ou as pessoas: neoliberalismo e ordem global. Trad. Pedro Jorgensen Jr. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2002.

CORRÊA, Geovana de Medeiros. A habitação social em foco: uma abordagem sobre o Programa Minha Casa, Minha Vida. 2012. 190 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Programa de Pós-Graduação em Economia, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis. 2012.

CUNHA, Clarissa de Oliveira Gomes Marques da; PORTO, Simone Peixoto Ferreira. A negação da natureza e o projeto de desenvolvimento: a busca por uma racionalidade ambientalmente sustentável. Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM, Santa Maria, RS, v. 12, n. 3, p. 910-936, dez. 2017. ISSN 1981-3694. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/revistadireito/article/view/27173. Acesso em: 15 fev. 2019. doi: http://dx.doi.org/10.5902/1981369427173.

ENGELS, Friedrich. Sobre a questão da moradia. Tradução de Nélio Schneider. São Paulo: Boitempo, 2015.

HARVEY, David. O direito à cidade. Lutas Sociais, São Paulo, n.29, p.73-89, jul./dez. 2012.

HARVEY, David. Cidades rebeldes: do direito à cidade à revolução urbana. São Paulo: Martins Fontes, 2014.

KURTZ, Lahis Pasquali. A possível solução jurídica ao condomínio fechado: diálogo entre Direito das Coisas e Direito Urbanístico. Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM, Santa Maria, RS, v. 8, n. 2, p. 293-310, dez. 2013. ISSN 1981-3694. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/revistadireito/article/view/9314/pdf. Acesso em: 16 fev. 2019. doi: http://dx.doi.org/10.5902/198136949314.

LANDER, Edgardo. Com o tempo contado: crise civilizatória, limites do planeta, ataques à democracia e povos em resistência. In: LANG, Miriam et al. (Org.). Descolonizar o imaginário. Debates sobre pós-extrativismo e alternativas ao desenvolvimento. São Paulo: Elefante, 2016, p. 215-253.

MARICATO, Ermínia. Metrópole, Legislação e Desigualdade. Estudos Avançados, São Paulo, n. 17 (48), 2003, p. 151-167.

MASTRODI, Josué; ZACCARA, Suzana Maria Loureiro Silveira. O que é o objeto “moradia” do Programa Minha Casa, Minha Vida? Revista de Direito da Cidade, Rio de Janeiro, vol. 8, n.3, p.859-885, 2016.

MONTEIRO, Adriana Roseno; VERAS, Antonio Tolrino de Rezende. O Programa Minha Casa, Minha Vida e a produção do espaço urbano na cidade de Boa Vista – RR. Revista de Direito da Cidade, Rio de Janeiro, vol. 7, n.3, p.1180-1199, 2015.

NUNES DE SOUZA, Sérgio Iglesias. Direito à moradia e de habitação: análise comparativa e seu aspecto teórico e prático com os direitos da personalidade. 3. ed. São Paulo: Thomson Reuters Revista dos Tribunais, 2013.

ROLNIK, Raquel; CYMBALISTA, Renato. Regulação urbanística no Brasil: conquistas e desafios de um modelo em construção. In: Anais do Seminário Internacional: Gestão da Terra Urbana e Habitação de Interesse Social, PUCCAMP, 2000.

ROLNIK, Raquel et al. O Programa Minha Casa Minha Vida nas regiões metropolitanas de São Paulo e Campinas: aspectos socioespaciais e segregação. Cadernos Metrópole, São Paulo, v. 17, n. 33, p. 127-154, maio 2015.

ROLNIK, Raquel. O que é cidade? São Paulo: Brasiliense, 1995.

ROLNIK, Raquel. Guerra dos lugares: a colonização da terra e da moradia na era das finanças. São Paulo: Boitempo, 2015.

ROLNIK, Raquel. Direito à moradia. Resumo do pronunciamento efetuado na 63ª. Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, em 23 de outubro de 2008, em Nova York. Traduzido do original em inglês por Emmanuel Cavalcante Porto, do IPEA/DIRUR.

ROSA, Marta Ferreira. Segregação Socioespacial na Política Urbana: Contradições histórico-estruturais no Programa Minha Casa, Minha Vida. 2015. 142 f. Dissertação (Mestrado em Política Social) - Programa de Pós-Graduação em Política Social, Universidade de Brasília, Brasília. 2015.

ROYER, Luciana de O. Financeirização da política habitacional: limites e perspectivas. 2009. 193 f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) – Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Paulo. 2009.

SHIMBO, Lúcia Zanin. Habitação social, habitação de mercado: a confluência entre estado, empresas construtoras e capital financeiro. 2010. 361 f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) – Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo, São Paulo. 2010.

SANTOS, Milton. A urbanização brasileira. São Paulo: Hucitec, 1993.

VANNUCHI, L.; IACOVINI, R.; PEREIRA, A.; MOREIRA, F. Inserção urbana no MCMV e a efetivação do direito à moradia adequada: uma avaliação de sete empreendimentos no estado de São Paulo. In: Anais do XVI ENANPUR – Espaço, Planejamento e Insurgências. Belo Horizonte, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1981369431760

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

REVISTA ELETRÔNICA DO CURSO DE DIREITO DA UFSM - Qualis A1

RECDUFSM  /  ISSN 1981-3694   /  Digital Object Identifier (DOI): 10.5902/19813694  http://periodicos.ufsm.br/revistadireito

Revista Qualis A1 área de Direito /  Classificações de Periódicos Quadriênio 2013-2016 (CAPES)