Memorial 2007-2017: professor titular

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5902/2318133867442

Palavras-chave:

Trajetória profissional, professor titular, professor pesquisador, carreira docente, educação superior.

Resumo

Neste texto apresento minha trajetória pessoal e os destaques de minha trajetória profissional na universidade. Nasci na cidade de Porto Alegre onde vivi até o ano de 1993. Sou a quarta filha de uma família de seis crianças e meus pais foram servidores públicos. Minha trajetória formativa foi na escola pública gaúcha, como a maioria das pessoas da minha geração. Cresci em meio a professoras e estar na escola costumava ser algo bastante comum. Entre livros e muitas brincadeira, tornei-me professora de crianças pequenas e tive o privilégio de estar na escola básica durante quinze anos. Depois a vida me trouxe à Santa Maria e aqui estou há vinte e quatro anos. Assim, vou contando sobre os caminhos trilhados para me constituir docente e pesquisadora na Universidade Federal de Santa Maria e conquistar o último grau da carreira universitária, professora titular do Departamento de Metodologia do Ensino. Neste setor acadêmico estive lotada provisoriamente por três anos, quando ainda era vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Sul, como professora do Colégio de Aplicação. Depois, por meio de um concurso público, dediquei-me à docência na educação superior e à pesquisa, nesta universidade definitivamente. Alcançar na carreira universitária a titularidade, por mérito acadêmico, é uma conquista recente. Antes esse mérito só seria conferido ao professor mediante um novo concurso público. Portanto, está conquista é um reconhecimento pelos anos de dedicação ao trabalho e a pesquisa que os professores podem alcançar. Por isso, sinto-me honrada.

Biografia do Autor

Dóris Pires Vargas Bolzan, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, Rio Grande do Sul

Professora na UFSM.

Referências

BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. São Paulo: Hucitec, 1995.

BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

BAKHTIN, Mikhail. Para uma filosofia do ato responsável. São Carlos: Pedro & João Editores, 2012.

BOLZAN. Dóris Pires Vargas. A construção do conhecimento pedagógico compartilhado: um estudo a partir de narrativas de professoras do ensino fundamental. Porto Alegre: Ufrgs, 2001. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

BOLZAN. Dóris Pires Vargas. Formação de professores: construindo e compartilhando conhecimento. Porto Alegre: Mediação, 1. ed. 2002.

BOLZAN. Dóris Pires Vargas. Formação de Professores: construindo e compartilhando conhecimento. Porto Alegre: Mediação, 2. ed. 2009.

BOLZAN, Dóris Pires Vargas. Verbetes. In: MOROSINI, Marília (org.). Enciclopédia de pedagogia universitária, Glossário II. Cap. X, 2006.

CALVINO, Ítalo. Seis propostas para o novo milênio. São Paulo. Companhia das Letras, 1990.

CALVINO, Ítalo. Palomar. Companhia das letras, 1994.

CLANDININ, D. Jean; CONNELLY, F. Michael. Relatos de experiencia y investigación narrativa. In: LARROSA, Jorge et al. Déjame que te cuente: ensayos sobre narrativa y educación. Barcelona: Laertes, 1995.

CLANDININ, D. Jean; CONNELLY, F. Michael. Pesquisa narrativa: experiência e história em pesquisa qualitativa. Uberlândia: UFU, 2015.

COLL, Cezar. Aprendizagem escolar e construção do conhecimento. Porto Alegre, Artmed, 1994.

CUNHA, Maria Isabel da; BROILO, Cecilia Luiza. (org.). Pedagogia universitária e produção de conhecimento. Porto Alegre: PUCRS, 2008.

DAVIDOV, Vasili V; MARKOVA, Ivana. La concepción de la actividad de estúdio de los escolares. In: DAVIDOV, Vasili V; SHUARE, Marta. La psicologia evolutiva y pedagogia em la URSS. Moscou: Editorial Progresso, 1987.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

FREIRE, Paulo. Conscientização: teoria e prática da libertação. São Paulo: Centauro, 2008.

GALEANO, Eduardo. Livro dos abraços. L&PM, 2013.

INHELDER, Bärbel; CELLÉRIER, Guy. O desenrolar das descobertas da criança. Porto Alegre: Artmed, 1996.

INHELDER, Bärbel; PIAGET, Jean. Da lógica da criança à lógica do adolescente. São Paulo: Pioneira, 1976.

JOSSO, Marie-Christine. Experiências de vida e formação. São Paulo: Cortez, 2004.

LEONTIEV, Aleksei N. Actividad, conciencia y personalidad. México: Cartago de México, 1984.

LEONTIEV, Aleksei N. El desarrollo psiquico del niño en la edad preescolar. In: DAVIDOV, Vasili V; SHUARE, Marta (org.). La psicología evolutiva y pedagogía en la URSS. Moscou: Progreso, 1987.

McEWAN, Hunter. Las narrativas en el estudio de la docencia. In: MCEWAN, Hunter; KIEGAN, Egan (ed.). La narrativa en la enseñanza, el aprendizaje y la investigación. Buenos Aires: Amorrortu, 1998.

MEIRELES, Cecília. Crônicas de educação. Rio de Janeiro, Diário de notícias. Rio de Janeiro: Nova Fronteira: Fundação Biblioteca nacional, 2001.

PERRET-CLERMONT, Anne Nelly. Desenvolvimento da inteligência e interação social. São Paulo: Instituto Piaget, 1995.

PIAGET, Jean. Gênese das estruturas lógicas elementares. Rio de Janeiro: Zahar, 1970a.

PIAGET, Jean. O nascimento da inteligência na criança. Rio de Janeiro: Zahar, 1970b.

PIAGET, Jean. Psicologia e pedagogia. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1970c.

PIAGET, Jean. A epistemologia genética. Petrópolis: Vozes, 1971.

PIAGET, Jean. Seis estudos de psicologia. Rio de Janeiro: Forense, 1972.

PIAGET, Jean. Psicologia e epistemologia: por uma teoria do conhecimento. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1973.

POWACZUK, Ana Carla Hollweg; BOLZAN, Dóris Pires Vargas. A pesquisa e orientação no Gpfope: reflexões em tempos de produtividade. In: MORALES, Alicia Rivera; ROSO, Caetano Castro; OLIVEIRA, Valeska Fortes de (org.). Redes de formação em educação: experiências de pesquisas entre Brasil e México. Curitiba: CRV, 2013.

SCHÖN, Donald. La formación de profesionales reflexivos: hacia un nuevo diseño de la enseñanza y el aprendizaje en las profesiones. Madrid: Paidós, 1992.

SHOPENHAUER, A. A arte de escrever. Porto Alegre: L&PM, 2009.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Obras escogidas. Tomo I. Incluye el significado histórico de la crisis de la psicología, Madrid: Visor, 1982a.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Obras escogidas. Tomo II. Incluye Pensamiento y Lenguaje Conferencias sobre psicología, Madrid: Visor, 1982b.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1993.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1994.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Obras escogidas. Tomo III. Incluye problemas del desarrollo de la psique. Madrid: Visor, 1995.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Obras escogidas. Tomo IV. Incluye Paidología del adolescente, problemas de la psicología infantil. Madrid: Visor, 1996.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Psicologia pedagógica. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

Downloads

Publicado

29-10-2021

Como Citar

Bolzan, D. P. V. (2021). Memorial 2007-2017: professor titular. Regae - Revista De Gestão E Avaliação Educacional, e67442, p. 1–39. https://doi.org/10.5902/2318133867442