UMA BREVE HISTÓRIA DO ENSINO DE FILOSOFIA: BRASIL E ALAGOAS EM REVISTA

Williams Nunes da Cunha Junior

Resumo


O presente artigo tem como revisar a história do ensino de Filosofia no Brasil e em Alagoas. Como se constitui a trajetória dessa prática em nível nacional e local? Por meio de uma pesquisa bibliográfica em escritos de autores que abordam a história do ensino de Filosofia, bem como de uma pesquisa documental, percebemos as idas e vindas, presenças e ausências desse ensino na educação formal. Cada nova reforma nos currículos ameaça a presença da Filosofia nos currículos escolares, urge, então, defender a sua permanência, apontando a sua especificidade diante das outras disciplinas, isto é, mostrando aquilo que justifica sua presença nas escolas.


Palavras-chave


Alagoas; Brasil; Ensino de filosofia; História da educação.

Texto completo:

PDF

Referências


ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. História da Educação e da Pedagogia. 3ed. São Paulo: Moderna, 2006.

BRASIL. “Lei de 15 de outubro de 1827”. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei_sn/1824-1899/lei-38398-15-outubro-1827-566692-publicacaooriginal-90222-pl.html Acesso em: 21 jun. 2017.

BRASIL. “Decreto nº 11.530 de 18 de março de 1915”. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1910-1919/decreto-11530-18-marco-1915-522019-republicacao-97760-pe.html Acesso em: 07 ago. 2017.

BRASIL. “Decreto nº 16. 782-A de 13 de janeiro de 1925”. Disponível em: Acesso em: 07 ago. 2017.

CAETANO, Antônio Filipe Pereira. “Existe uma Alagoas Colonial? Notas preliminares sobre os conceitos de uma conquista ultramarina”. Revista Crítica Histórica, n. 01, p. 12 – 34, jun., 2010.

COSTA, Craveiro. Instituições Públicas e Instituições Culturais de Alagoas. Maceió: Imprensa Oficial de Alagoas, 1931.

DOMINGUES, Ivan. Filosofia no Brasil: legados e perspectivas – ensaios metafísicos. São Paulo:Unesp Digital, 2017.

FAVERO, A. A.; CEPAS, Felipe; GONTIJO, P. E.; GALLO, Silvio; KOHAN, W. “O ensino de Filosofia no Brasil: um mapa das condições atuais”. Caderno Cedes, Campinas, vol. 24, n. 64, p. 257 – 284, set./dez., 2004.

MORAES FILHO, Evaristo de. O Ensino da Filosofia no Brasil. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional, 1959.

OBIOLS, Guillermo. Uma introdução ao ensino da filosofia. Ijuí: Unijuí, 2002.

PILETTI, Claudino; PILETTI, Nelson. Filosofia e História da Educação. São Paulo: Ática, 1987.

SANTOS, Ivanildo Gomes dos. As raízes do ensino secundário público na província das Alagoas: o Liceu Alagoano (1849 – 1889). Disponível em: http://sbhe.org.br/novo/congressos/cbhe7/pdf/07-%20HISTORIA%20DAS%20INSTITUICOES%20E%20PRATICAS%20EDUCATIVAS/AS%20RAIZES%20DO%20ENSINO%20SECUNDARIO%20PUBLICO%20NA%20PROVINCIA%20DAS%20ALAGOAS%20-%20O%20LICEU%20ALAGOANO%20(1849-1889).pdf Acesso em: 04 ago. 2017.

VERÇOSA, Élcio de Gusmão. História do Ensino Superior em Alagoas: verso e reverso. Maceió: EDUFAL, 1997.

VERÇOSA, Élcio de Gusmão. Cultura e Educação nas Alagoas: histórias, histórias. 4ed. Maceió: EDUFAL, 2006.




DOI: https://doi.org/10.5902/2448065738518

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

A Revista Digital de Ensino de Filosofia - REFilo agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

_____________________________________________________________