A personagem pós-moderna em lessing: uma análise do processo de identificação em “To room nineteen”

Sebastião Alves Teixeira Lopes, Isabela Christina do Nascimento Sousa

Resumo


Susan Rawlings, protagonista de To room nineteen, conto escrito por Doris Lessing e parte da coletânea Stories (1978), não possui uma identidade unificada e estável, mas várias identidades constantemente deslocadas. Essas identidades não são harmoniosas e entram em conflito causando o que Hall (2014) chama de “crise de identidade”. Este estudo, por meio de uma pesquisa qualitativa e bibliográfica, procura analisar o processo de identificação dessa personagem e, de acordo com as ideias de Hall (2014), examinar em que medida é possível considerar Susan Rawlings um sujeito pós-moderno; ainda, compreender como o espaço e o gênero influenciam no processo de identificação.


Palavras-chave


Doris Lessing; Pós-moderno; Identidade

Texto completo:

PDF

Referências


BACHELARD, Gaston. A poética do espaço. In: BACHELARD, Gaston. Os pensadores. Traduzido por Antonio da Costa Leal e Lídia do Valle Santos Leal. São Paulo: Abril Cultural, 1978, p. 183-354.

BÍBLIA. A. T. Gênesis. In: BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada: contendo o antigo e o novo testamento. Traduzido por João Ferreira de Almeida. Rio de Janeiro: Sociedade Bíblica do Brasil, 1966. p.678-686.

CHARAUDEAU, Patrick. Identidade social e identidade discursiva, o fundamento da competência comunicacional. In: PIETROLUONGO, Márcia. (Org.) O trabalho da tradução. Rio de Janeiro: Contra capa, 2009, p. 309-326.

CULLER, Jonathan. Teoria literária: uma introdução. Traduzido por Sandra Vasconcelos. São Paulo: Beca Produções Culturais Ltda., 1999, 140f.

DUNNE, Carey. The changing face of Satan, from 1500 to today. Fast company. New York, ago. 2014. Section Co.desing. Disponível em: http://www.fastcodesign.com/3034309/the-changing-face-

-of-satan-artistic-depictions-of-the-devil-1500-to-today>. Acesso em 3.jun.2016.

FERBER, Michael. A dictionary of literary symbols. Cambridge: Cambridge university press, 1999, 263f.

GIDDENS, Anthony. Gênero e Sexualidade. In: GIDDENS, Anthony. Sociologia. Traduzido por Alexandra Figueiredo e tal. Lisboa: Fundação Calouste Gulberkian, 2008, p. 106-141.

GILL, Jo. The Cambridge introduction to Sylvia Plath. USA: Cambridge University Press, 2008, 152f.

HALL, S. Minimal Selves. In: HALL, S. Identity: The Real Me. Londres: Institute for Contemporary Arts, 1987, p. 44-46.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Traduzido por Guacira Lopes Louro e Tomaz Tadeu da Silva. Rio de Janeiro: Lamparina, 2014, 64f.

JORGE, Marco Antonio Coutinho. Fundamentos da psicanálise: de Freud e Lacan. 5 ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed, 2008. 192f.

LACAN, Jacques. O estádio do espelho como formador da função do eu. In: LACAN, Jacques, Escritos. Traduzido por Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1998, p. 96-103.

LESSING, Doris. To room nineteen. In: LESSING, Doris. Stories. New York: Alfred A. Knopf, 1978, p. 396-428.

LINS, Osman. Lima Barreto e o espaço romanesco. São Paulo: Ática, 1976, 154f.

MASSEY, Doreen. Space, place and gender. In: RENDELL, Jane; PENNER; BORDEN, Lain. Gender space architecture: an interdisciplinary introduction. London: Routledge, 2003, p. 128-133.

OPPERMAN, Álvaro. Diabo! Um funcionário de Deus? Revista Super Interessante. São Paulo, n. 263a, Abril, março, 2009. Disponível em: . Acesso em: 3.jun.2016.

ROUDINESCO, Elisabeth; PLON, Michel. Dicionário de psicanálise. Trad. Vera Ribeiro, Lucy Magalhães. Rio de Janeiro: Zahar, 1998, 874f.

SILVA, Tomaz Tadeu. A produção social da identidade e da diferença. In: SILVA, Tomaz Tadeu (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis: Vozes, 2014, p.73-102.

TRINDADE, Ruth França Cizino da; et al. Infidelidade masculina e violência doméstica: vivência de um grupo de mulheres. Ciencia y enfermeria. Casilla/ Consepcion, n. 14, p. 39-46, 2008.

WOODWARD, Kathryn. Identidade e diferença: introdução teórica e conceitual. In: SILVA, Tomaz Tadeu (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis: Vozes, 2014, p. 7-72.




DOI: https://doi.org/10.5902/2176148525095

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Letras



 

                      

 

                

 

                

 

    

  

   

 

  

 

 

                                     QUALIS/CAPES: Letras A2

                              ISSN Versão Impressa: 1519-3985

                              ISSN Versão Digital: 2176-1485



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.