Pré-Escola: diagnóstico e metodologia de atividades motoras

Maria Helena da Silva Ramalho

Resumo


O propósito deste estudo foi diagnosticar as atividades motoras desenvolvidas fora de sala de aula, pelos professores nas pré-escolas públicas de Santa Maria e propor uma metodologia para análise das atividades motoras de crianças pré-escolares. Participaram do estudo 74 professores e gravaram-se 42 aulas correpondentes aos que desenvolviam atividades motoras fora de sala de aula. Após a análise dos resultados, concluiu-se que existe uma prática de atividades motoras fora de sala de aula, objetivando a criança como um todo, mas na prática há uma incongruência com o que se propõe, como também um desequilíbrio no desenvolvimento dos movimentos básico- fundamentais, prevalecendo os movimentos locomotores e as capacidades perceptivas, destacando-se a discriminação cinestésica.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/231654648427



Avaliação Qualis Capes (2014):

B4- Educação Física / B3- Interdisciplinar e Psicologia / B5- Educação 

Periodicidade: contínua

ISSN: 2316-5464 online

DOI: 10.5902/23165464

email: kinesisrevista@ufsm.br


 

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.