Um novo método fotogramétrico adequado a análises biomecânicas: comparação com o método DLT (transformação Linear Direta)

Ana Cristina de David

Resumo


O presente estudo teve por objetivo descrever e obter dados, para fins de comparação, de dois métodos fotograméticos que possibilitam a análise especial em estudos biomecânicos, utilizando-se câmeras não-métricas: o método desenvolvido por Fonseca & Ávila (1991) e o método da Transformação Liner Direta (DLT) elaborado por Abdel-Aziz & Karara (1971). Através da obtenção das coordenadas espaciais de 25 pontos distribuídos no espaço, segundo cada método, foi possível compará-los entre si e com as médias das coordenadas X, Y e Z, previamente medidas, utilizando-se análise de variância e regressão linear. Os resultados indicaram não haver diferença estatisticamente significante entre as médias das coordenadas em relação aos eixos X, Y ou Z, para qualquer um dos métodos, notando-se, no entanto, uma maior precisão nos resultados do Método DLT. A regressão linear mostrou uma elevada correlação entre erros absolutos, variações no valor da distância focal e variações no fator de aplicação, como esperado, tendo-se observado maior influência deste último com relação à precisão no cálculo das coordenadas. Acredita-se que o método Fonseca & Ávila possa ser uma alternativa quando o método DLT não puder ser empregado.


Texto completo:

Sem título


DOI: https://doi.org/10.5902/2316546410129



Avaliação Qualis Capes (2014):

B4- Educação Física / B3- Interdisciplinar e Psicologia / B5- Educação 

Periodicidade: contínua

ISSN: 2316-5464 online

DOI: 10.5902/23165464

email: kinesisrevista@ufsm.br


 

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.