Utilização da farinha de babaçu como extensor alternativo na produção de painéis compensados

Érika da Silva Ferreira, Edvá Oliveira Brito, Setsuo Iwakiri, Silviana Rosso, Djeison Cesar Batista

Resumo


O objetivo desta pesquisa foi avaliar a potencialidade de uso da farinha de babaçu sob diferentes percentuais (0, 50, 75 e 100%) como extensor alternativo à farinha de trigo para produção de painéis compensados. Foram produzidos 32 painéis compostos por cinco lâminas de madeira de Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze, sendo utilizadas as resinas uréia-formaldeído - UF e fenol-formaldeído - FF, com três repetições por tratamento. As seguintes formulações (em partes por peso) foram utilizadas: resina uréia-formaldeído - 100, extensor - 50, água - 50, catalisador - 7 e, resina fenol-formaldeído - 100, extensor - 18, água - 22. Os resultados de resistência da linha de cola obtidos para os painéis produzidos tanto com a resina uréia-formaldeído, quanto com a resina fenol-formaldeído, apontaram para a viabilidade de uso do extensor a base de farinha de babaçu em substituição parcial ou total do extensor convencional a base de farinha de trigo na produção de painéis compensados multilaminados.

Palavras-chave


extensor; farinha de babaçu; compensado; <i>Araucaria angustifolia</i>

Texto completo:

PDF

Referências


BALDWIN, R. F. Plywood manufacturing practices. San Francisco: Miller Freeman, 1981. 326 p.

EUROPEAN COMMITTEE FOR STANDARDIZATION. Plywood– Bonding Quality: part 1 - test methods. EN 314 – 1: 1993.

EUROPEAN COMMITTEE FOR STANDARDIZATION. Plywood – Bonding Quality: part 2 - requirements. EN 314 – 2: 1993.

FERREIRA, E. S. Utilização dos polifenóis da casca de pinus para produção de adesivos para compensados. 2004. 79 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais e Florestais) – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica.

IWAKIRI, S. et al. Utilização de extensores alternativos na produção de compensados multilaminados. Ciência Florestal, Santa Maria, v.10, n. 1, p. 77-83, mar./abr. 2000.

MARRA, A. A. Technology of Wood Bonding. New York: Van Nostrand Reinhold, 1992. 453 p.

MOREIRA, W. S. Extensores alternativos para produção de compensados com resina uréia-formaldeído. 1985. 81 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba.

SELLERS JÚNIOR, T. Plywood and adhesive technology. New York: Marcel Dekker, Inc. 1985. 661 p.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/19805098888

Licença Creative Commons