Contribuição para aprimorar o desempenho das organizações cooperativas agropecuárias: proposta de um método gerencial

Thiago Heleno Mariano, Pablo Murta Baião Albino

Resumo


O propósito desta pesquisa foi estudar os principais problemas inerentes à natureza peculiar das organizações cooperativas agropecuárias e a implicação de seus efeitos no desempenho destes empreendimentos. Para tanto, foi realizada uma pesquisa bibliográfica em que foram consultados artigos publicados em revistas e anais de congressos, dissertações, teses e livros das áreas de cooperativismo, administração de empresas e organizações cooperativas agropecuárias. Por meio da pesquisa, foi possível identificar os principais gargalos presentes na gestão destas organizações bem como os principais aspectos e fatores que afetam seu desempenho. A partir deste estudo, foi possível classificar o desempenho em três dimensões: Econômico, Social e Gerencial Ademais, este trabalho conta ainda com a proposição de um método gerencial de auxílio à realização de planejamentos estratégicos em organizações cooperativas agropecuárias em que estão presentes as principais perspectivas do desempenho destes empreendimentos, bem como linhas de ação que possuem o propósito de mitigar o efeito de seus problemas e aprimorar o seu desempenho.

Palavras-chave


Cooperativas agropecuárias; Desempenho; Estratégia

Texto completo:

PDF

Referências


ACI AMERICAS. Principios y valores cooperativos. Disponível em: http://www.aciamericas.coop/Principios-y-Valores-Cooperativos-4456. (20--?)

ALBINO, P. M. B., ARCELUS, F. J., & ELORZ, K. S. El efecto de la edad, tamaño, sector y región en el crecimiento de la industria agroalimentaria española. XLVI congresso da SOBER. Rio Branco, AC, Brasil. 2008.

ANTONIALLI, L. M. Modelo de gestão e estratégias: o caso de duas cooperativas mistas de leite e café de Minas Gerais. Tese de Doutorado. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. São Paulo, SP, Brasil. 2000.

ANTONIALLI, L. M., & SOUKI, G. Q. Princípios cooperativistas e modelos de gestão: um estudo sobre conflitos de interesses entre grupos de produtores rurais. Anais do XLIII Congresso da SOBER. Ribeirão Preto, SP, Brasil. 2005.

AMODEO, N. B. P. As cooperativas e os desafios da competitividade. Estudos Sociedade e Agricultura, n.17, p. 119-144. 2001.

AMODEO, N. B. P. Contribuição da educação cooperativa nos processos de desenvolvimento rural. In: AMODEO, N. B. P, & ALIMONDA, H. (Orgs.) Ruralidades, capacitação e desenvolvimento. Viçosa: UFV. 2006.

BIALOSKORSKI NETO, S. Cooperativas: economia, crescimento e estrutura de capital. Tese de Doutorado. Escola Superior de Agricultura da Universidade de São Paulo. Piracicaba, SP, Brasil. 1998.

BIALOSKORSKI NETO, S. Aspectos Econômicos em Cooperativas. Belo Horizonte: Mandamentos. 2006.

BIALOSKORSKI NETO, S. Economia e gestão de organizações cooperativas. ed. 2. São Paulo: Atlas. 2012.

BRAGA, M. J., & FERREIRA, M. A. M. Diversificação e competitividade nas cooperativas agropecuárias. Revista de Administraçao Contemporânea, v. 8, n. 4, p. 33 – 55. 2004.

CARNEIRO, J. Mensuração do desempenho organizacional: questões conceituais e metodológicas. In: GUTIERREZ, M, & BERTRAND, H. (Eds.), Estudos em negócios IV (pp. 145-175). Rio de Janeiro: Mauad. 2005.

CARVALHO, F. L., & BIALOSKORSKI NETO, S. Indicadores de avaliação de desempenho econômico em cooperativas agropecuárias: um estudo de caso em cooperativas paulistas. Organizações Rurais & Agroindústrias, v. 10, n. 3, p. 420 – 437. 2008.

CECHIN, A. Cooperativas brasileiras nos mercados agroalimentares contemporâneos. In: BUAINAN, A. M; ELISEU, E.; SILVEIRA, S J. M.; & NAVARRO, Z. O mundo rural no Brasil do século 21: A formação de um novo padrão agrário e agrícola. p 479 – 507. Brasília: EMBRAPA. 2014.

DAVIS, P., & BIALOSKORSKI NETO, S. Governança e gestão de capital social em cooperativas: uma abordagem baseada em valores. ESAC Economia Solidária e Ação Cooperativa, v. 5, n. 1, p. 1 – 24. 2010.

FALCONI, V. O verdadeiro poder: práticas de gestão que conduzem a resultados revolucionários. ed. 2. Nova Lima: FALCONI Editora. 2009.

FERREIRA, G. M. V. Governança e sua relação com a fidelidade em cooperativas. Tese de doutorado. Universidade Federal de Santa Maria. Santa Maria, RS, Brasil. 2014.

GIL, Antônio Carlos. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 5ª ed. São Paulo: Atlas, 2010.

GIMENES, R. M. T., & GIMENES, F. M. P. Agronegócio cooperativo: a transição e os desafios da competitividade. Revista Ciências Empresariais da UNIPAR, v. 7, n. 1, p. 33 - 46. 2006.

KAPLAN, R. S., & NORTON, D. P. A Estratégia em Ação: Balanced Scorecard. ed. 20. Rio de Janeiro: Elsevier. 1997.

LAZZARINI, S. G., BIALOSKORSKI NETO, S., & CHADDAD, F. R. Decisões financeiras em cooperativas: fontes de ineficiência e possíveis soluções. Gestão & Produção, v. 6, n. 3, p. 257-268. 1999.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 6.ed. São Paulo: Atlas, 2006.

MARTINS, M. A. Avaliação de desempenho empresarial como ferramenta para agregar valor ao negócio. ConTexto, v. 6, n. 10, p. 1 – 27. 2006.

OLIVEIRA JÚNIOR, C. C. Avaliação da eficiência empresarial das cooperativas. ed. 3. Curitiba: OCEPAR. 1996.

OLIVEIRA, D. P. R. Manual de gestão de cooperativas: uma abordagem prática. São Paulo: Atlas. 2001.

ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS, Manual de boas práticas de governança cooperativa. Brasília. 20--?.

PIVOTO, D. Governança cooperativa: Uma análise dos problemas oriundos dos direitos de propriedade difusos nas cooperativas agropecuárias do Rio Grande do Sul. Dissertação de mestrado. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, Brasil. 2013.

RIOS, L. O. Cooperativas brasileiras: manual de sobrevivência & crescimento: 10 lições práticas para as cooperativas serem bem sucedidas em mercados globalizados. São Paulo: Editora STS. 1998.

SOUZA, U. R., & BRAGA, M. J. Diversificação concêntrica na cooperativa agropecuária: um estudo de caso da COMIGO. Gestão da Produção, v. 14, n. 1, p. 169 – 179. 2007.

TORRES, D. A. P., LIMA, D. B, TOLEDO, E. N. B., MARCELINO, M. Q. S., VIEIRA JÚNIOR, P. A., SILVA, R. C., FOGAÇA, S. M. C., & NAVARRO, Z. O campo brasileiro: a emergência de um novo padrão econômico e social. Revista de Política Agrícola, v. XXV, n. 1, p. 78-92. 2016.

ZYLBERSZTAJN, D. Organização de cooperativas: desafios e tendências. Revista de administração, v. 29, n. 3, p. 23-32. 1994.

ZYLBERSZTAJN, D. Quatro estratégias fundamentais para cooperativas agrícola. Anais do Seminário Internacional de Política Econômica: Cooperativismo e Agronegócio. Viçosa, MG, Brasil. 2002.

ZYLBERSZTAJN, D. Coordenação e governança de sistemas agroindustriais. In: BUAINAN, A. M.; ALVES, E.; SILVEIRA, J. M.; & NAVARRO, Z. Navarro. (Eds.). O mundo rural no Brasil do século 21: A formação de um novo padrão agrário e agrícola. p. 268 – 295. Brasília: EMBRAPA. 2014.




DOI: https://doi.org/10.5902/2359043229587

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. 

     

   

   

 

ISSN Eletrônico: 2359-0432

ISSN Impresso: 2446-7103