Teoria Histórico-Cultural e intervenções pedagógicas: possibilidades e realizações do bom ensino

Marta Chaves, Silvana Calvo Tuleski, Elieuza Aparecida Lima, Cyntia Graziella G. Simões Girotto

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/198464444210

Este texto tem por objetivo refletir e socializar práticas educativas e experiências de formação em serviço realizadas em municípios dos estados do Paraná e São Paulo, como desdobramento de pesquisas, projetos e cursos de extensão. A presente elaboração contempla estudos sobre a organização do ensino e  pauta-se na Teoria Histórico-Cultural, que ampara as intervenções pedagógicas para a Educação Infantil e o Ensino Fundamental. A Teoria Histórico-Cultural apresenta-se como referencial teórico para uma proposta de atuar em uma perspectiva de humanização e emancipação. Assim, para que os procedimentos didáticos sejam ricos de significado, a comunicação, a afetividade e a escolha de recursos e procedimentos devem figurar como características essenciais no processo de ensino.


Palavras-chave


Teoria Histórico-Cultural; Intervenções Pedagógicas; Educação Infantil e Ensino Fundamental

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/198464444210

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc - Prédio 16
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao


ISSN Eletrônico: 1984-6444

DOI: http://dx.doi.org/10.5902/19846444

Qualis/Capes: Educação A1

Periodicidade: Publicação contínua

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

A Revista Educação (UFSM) agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International (CC BY 4.0).

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

____________________________________________________

    

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar