Caracterização de vítimas de acidentes laborais atendidas em Unidade de Pronto Atendimento da Região Sul/Brasil

Josemar Batista, Suzane Cristina Rodrigues, Tarcisio Vitor Augusto Lordani, Rafaela Andolhe

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2179769216822

Objetivo: descrever a caracterização das vítimas de acidentes de trabalho atendidas em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região Sul do Brasil. Método: pesquisa quantitativa,descritiva, transversal, com coleta de dados em 391 prontuários selecionados,por recorte temporal,no período de janeiro a junho de 2012, sendo os dados submetidos à estatística descritiva. Resultados: o acidente típico foi predominante e acometeu, principalmente, o sexo masculino, na faixa etária dos 20 aos 39 anos, no ramo agroindustrial. Predominaram os ferimentos corto-contusos e contusões, sendo os dedos das mãos/pés as regiões mais acometidas. O tempo de afastamento laboral de maior ocorrência foi entre 1 a 3 dias. Conclusão: a caracterização das vítimas de acidentes laborais atendidos na UPA proporcionou subsídios para a elaboração e a fiscalização de programas de prevenção de acidentes, bem como o direcionamento das ações de enfermagem.


Palavras-chave


Perfil de Saúde; Acidentes de trabalho; Saúde do trabalhador; Perfil de saúde

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769216822



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.