Gênero e sexualidade: influências na prevenção das DSTs/AIDS e as contribuições para a enfermagem

Graciela Dutra Sehnem, Joice Moreira Schmalfuss, Priscila de Oliveira Bolzan Bonadiman, Fabiani Weiss Pereira, Jussara Mendes Lipinski, Lisiani Bogorni

Resumo


10.5902/2179769212408

Objetivo: conhecer como a construção de gênero e de sexualidade influencia na prevenção das DSTs/AIDS de mulheres atendidas em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) do município de Uruguaiana. Método: pesquisa de campo, descritiva, exploratória e com abordagem qualitativa. Participaram do estudo 12 mulheres atendidas em uma UBS. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Pampa, sob o número 58422. Os dados encontrados foram submetidos à análise de conteúdo do tipo temática. Resultados: elencaram-se duas categorias temáticas, a construção do ser mulher e as percepções acerca da sexualidade feminina. Conclusão: a enfermagem tem um papel fundamental na contribuição para o processo de empoderamento das mulheres em relação a sua saúde, já que estas demonstram uma vulnerabilidade no que diz respeito à tomada de decisão para utilização de práticas preventivas de DSTs/AIDS.


Palavras-chave


Saúde da mulher; Doenças Sexualmente Transmissíveis; Enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769212408



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.