MATA CILIAR E AS NASCENTES NO MUNICÍPIO DE SAPUCAIA DO SUL – RS SOB O OLHAR DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

André Demichei, Toshio Nishijima

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/223613084601

O presente trabalho teve por objetivo geral verificar as condições de conservação de algumas nascentes e suas matas ciliares juntamente analisar o conhecimento de alunos da modalidade EJA e confrontar com práticas de Educação Ambiental que promovam ou que deixam de promover cansando impactos ao meio ambiente. Foi levantado um referencial teórico acerca da problemática em questão, no caso mata ciliar e nascentes, onde como fonte de estudo no município foi utilizado a RPPN Morro de Sapucaia, onde existem 5 nascentes. Foi-se analisado in loco estas nascentes e seu estado de conservação, juntamente com alunos e confrontado com um curso de água que cruza a área urbanizada, curso este que possui suas nascentes na RPPN, observado o impacto que sofre com a ação humana. Também foi aplicado um questionário para alguns professores e alunos contendo 10 questões que deveriam ser respondidas de forma qualitativa, sem a interferência do pesquisador. Fica claro que as práticas de Educação Ambiental não estão sendo atingidas, portanto não há uma real capacidade de propagação destas ideias, pois não basta o conhecimento sobre o assunto é preciso aplicá-lo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/223613084601

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.