O SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL COMO IMPULSOR DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM ESTUDO DE CASO EM UMA EMPRESA DO POLO INDUSTRIAL DE MANAUS (PIM) A PARTIR DA PERCEPÇÃO DE SEUS COLABORADORES

Ádria de Azevedo Araújo, Tereza Maria Pereira Bezerra, Haydy Soraya Urday Del Carpio, Sarah Nair Nascimento dos Santos, Patrícia Auxiliadora Ribeiro de França, Maria da Glória Vitório Guimarães

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2236130814169

Este trabalho teve como ponto de partida encontrar resposta à seguinte problematização: em que medida o Sistema de Gestão Ambiental (SGA) adotado por uma empresa do Polo Industrial de Manaus (PIM) tem contribuído para a Educação Ambiental (EA) de seus colaboradores?  Em decorrência de tal pergunta, o trabalho teve como objetivo geral verificar, a partir da percepção de colaboradores, se a empresa pesquisada, localizada no Polo Industrial de Manaus e que possui Sistema de Gestão Ambiental, contribui para a educação ambiental dos seus funcionários ou em suas práticas pessoais e profissionais. Para tanto, foi realizado um estudo de caso, com pesquisa empírica do tipo descritiva, sobretudo na forma de trabalho de campo. Os principais resultados se mostraram concernentes com as abordagens de importantes autores da literatura sobre o assunto. Pode-se concluir que a EA, como uma ferramenta advinda do SGA, contribui para o processo de conscientização dos colaboradores, onde estes adquirem condições de assumir o papel de agentes de mudança em qualquer contexto e situação, influenciando, inclusive, em suas praticas pessoais e profissionais, bem como, adquirem a capacidade de disseminar informações sobre a temática ambiental para aqueles que o circundam, como seus familiares, amigos e colegas de trabalho; além de possuírem um elevado grau de interesse em relação às questões ambientais, também percebem tais práticas com extremo valor para enfrentar delicados problemas ambientais.


Palavras-chave


sistema de gestão ambiental, educação ambiental, percepção dos colaboradores

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2236130814169

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.