A figuração da violência em Hotel Hell, de Joca Reiners Terron

Ana Paula Franco Nobile Brandileone, Priscila Batista

Resumo


A diversidade é marca registrada da ficção brasileira contemporânea, que se revela na linguagem, nos formatos, nos diversos tons e temas. Ainda assim, é possível delinear algumas linhas de força nas atuais produções em prosa, dentre elas a violência (RESENDE, 2008). A partir do exposto, este artigo tem por objetivo verificar como a violência é representada no livro Hotel Hell, de Joca Reiners Terron (2003), que se inscreve, entre outros aspectos, pela presença de imagens grotescas, figurada pela fusão do homem à máquina e/ou do homem ao animal.

Palavras-chave


Literatura brasileira contemporânea. Representação da Violência. Hotel Hell. Joca Reiners Terron.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Letras

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

                      

 

                

 

                

 

    

  

   

 

  

 

 

                                     QUALIS/CAPES: Letras B2

                              ISSN Versão Impressa: 1519-3985

                              ISSN Versão Digital: 2176-1485



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.