Viabilidade de aplicação da seleção precoce em testes clonais de Eucalyptus spp

Renata Alves Meira Massaro, Cesar Augusto Valencise Bonine, Edimar Aparecido Scarpinati, Rinaldo César de Paula

Resumo


Com o objetivo de avaliar a eficiência da seleção precoce em Eucalyptus spp. foram usados dados de dois testes clonais avaliados quanto ao crescimento em altura (ALT), diâmetro à altura do peito (DAP) e volume individual de madeira (VOL) aos 25, 50 e 72 meses de idade. O delineamento experimental nos dois testes clonais foi o de blocos casualizados, com trinta tratamentos (clones), seis repetições, sendo um deles com seis e o outro com dez plantas em linha por parcela, no espaçamento de 3,0 m x 3,0 m. Foi feita a análise de variância para cada caracter e idade. Foram obtidas as estimativas de coeficiente de determinação genotípico e de correlações genotípicas entre os caracteres nas idades juvenis e na idade de rotação. Para verificar a viabilidade da aplicação da seleção precoce, foi simulada a seleção de 30% dos clones nas idades juvenis e na idade de rotação para cada um dos caracteres e idades avaliadas, obtendo-se as estimativas de ganhos genéticos com a seleção direta e indireta. Houve diferenças significativas entre os clones avaliados nos dois experimentos para todos os caracteres e idades. Com base nos resultados obtidos, é possível efetuar a seleção precoce aos 2 anos de idade sobre o caracter DAP em testes clonais de eucalipto.


Palavras-chave


melhoramento genético; correlação juvenil-adulto; seleção antecipada

Texto completo:

PDF

Referências


BOTREL, M. C. G. et al. Melhoramento genético das propriedades do carvão vegetal de Eucalyptus spp. Revista Árvore, Viçosa, v. 31, n. 3, p.391-398, 2007.

BOVI, M. L. A. et al. Correlações fenotípicas entre caracteres avaliados nos estádios juvenil e adulto de acaizeiros. Bragantia, Campinas, v. 49, n. 2, p. 321-334, 1990.

CARVALHO, C. G. P. et al. Hybrid cocoa tree adaptability and yeld temporal stability in Rondônia State, Brazil. Crop Breeding and Applied Biotechnology, Londrina, v. 3, n. 3, p. 237-244, 2003.

CASTRO, N. H. C. de. Número de repetições e eficiência da seleção em progênies de meios irmãos de Eucalyptus camaldulensis. 1992. 121 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)- Escola Superior de Agricultura de Lavras, Lavras, 1992.

CRUZ, C. D. Programa Genes: versão Windows; aplicativo computacional em genética e estatística. Viçosa: UFV, 2001. 648p.

CRUZ, C. D.; REGAZZI, A. J.; CARNEIRO, P. C. S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. 3 ed. Viçosa: UFV, v. 1, 2004. 480 p.

DEAN, C. A.; STONECYPHER R. W. Early selection of Douglas-Fir across South Central Coastal Oregon, USA. Silvae Genetica, Frankfurt, v. 55, n. 3, p.135-141, 2006.

FALCONER, D. S. Introdução à genética quantitativa. Viçosa: UFV, 1987. 279 p.

GONÇALVES, P. S. et al. Early selection for growth vigor in rubber tree genotypes in northwestern São Paulo State (Brazil). Genetics and Molecular Biology, Ribeirão Preto, v. 21, n. 4, p. 620-630, 1998.

KAGEYAMA, P. Y.; VENCOVSKY, R. Variação genética em progênies de uma população de Eucalyptus grandis (Hill) Maiden. IPEF, Piracicaba, v. 24, p. 9-26, 1983.

MARQUES JÚNIOR, O. G. Estimativas dos parâmetros genéticos e fenotípicos e avaliação da eficiência da seleção precoce em Eucalyptus cloeziana F. Muell. 1995. 69 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 1995.

PAULA, R. C. et al. Predição de ganhos genéticos em melhoramento florestal. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 37, n. 2, p. 159-165, 2002.

PEREIRA, A. B. et al. Eficiência da seleção precoce em famílias de meios-irmãos de Eucalyptus camaldulensis Dehnh., avaliadas na região noroeste do estado de Minas Gerais. Cerne, Lavras, v. 3, n. 1, p. 67-81, 1997.

PIRES, I. E. et al. Índice de seleção combinada aplicado ao melhoramento genético eucalipto. Revista Árvore, Viçosa, v. 20, n. 2, p. 191-197, 1996.

RESENDE, M. D. V. Matemática e estatística na análise de experimentos e no melhoramento genético. Colombo: Embrapa Florestas, 2007. 362 p.

REZENDE, G. D. S. P.; BERTOLUCCI, F. L. G.; RAMALHO, M. A. P. Eficiência da seleção precoce na recomendação de clones de eucalipto avaliados no norte do Espírito Santo e sul da Bahia. Cerne, Lavras, v. 1, n. 1, p. 45-50, 1994.

SANTOS, G. A.; XAVIER, A.; LEITE, H. G. Desempenho silvicultural de clones de Eucalyptus grandis em relação às árvores matrizes. Revista Árvore, Viçosa, v. 30, n. 5, p. 737-747, 2006.

TOLFO, A. L. T. Estudos da viabilidade de aplicação da seleção precoce em testes clonais de Eucalyptus spp. e qualidade da madeira para polpa celulósica. 2003. 50 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)–Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, 2003.

WENG, Y. H. et al. Age-related trends in genetic parameters for jack pine and their implications for early selection. Silvae Genetica, Frankfurt, v. 56, n. 5, p. 242-252, 2007.

WU, H. X. Study of early selection in tree breeding. Silvae Genetica, Frankfurt, v. 47, n. 2-3, p.146-155, 1998.

XIANG, B.; LI, B.; ISIK, F. Time trend of genetic parameters in growth traits of Pinus taeda L. Silvae Genetica, Frankfurt, v. 52, n. 3-4, p. 114-121, 2002.




DOI: https://doi.org/10.5902/198050982418

Licença Creative Commons