REPRESENTAÇÕES DE CRIANÇAS SOBRE A NATUREZA A PARTIR DE UMA PERSPECTIVA ECOLÓGICA - AFETIVAMENTE AMPLIADA - DA VIDA

Helga Loos-Sant'Ana, Camila Silva de Lima

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/198464445470

Parte-se de uma perspectiva sistêmica, que promulga que a educação ambiental não seja vista como um conjunto de atividades de caráter informativo relativas à “utilização racional dos recursos da Natureza” – mas, antes, que o ser humano volte a ser capaz de desenvolver um sentimento de pertencimento à Natureza, e, consequentemente, a cultivar relações de respeito e afeto para com todos os seres (sejam eles humanos ou não). Defende-se, assim, que a crise ambiental atual é, antes de tudo, uma crise relacional, portanto, do âmbito da afetividade, vista de maneira ampliada. O presente estudo, de caráter qualitativo, objetivou identificar representações e afetos relacionados à Natureza entre nove crianças de seis e sete anos, estudantes da 1ª e 2ª série do Ensino Fundamental, no município de Curitiba/PR. A coleta de dados compreendeu quatro atividades principais: Desenho da natureza; Dinâmica “Tesouro no bosque”; Todos dependem de todos (“Teia da Vida”); e Contando uma história. Nos desenhos, todas as crianças apresentaram uma visão naturalista da Natureza. Foi evidenciada, nas demais atividades, a ligação biofílica e topofílica das crianças com o bosque da escola, o que pode ter influenciado a inserção da própria imagem no desenho. Entretanto, notam-se conflitos relativos à questão do pertencimento do homem e de seus produtos à Natureza. Nas dinâmicas de grupo as crianças demonstraram sensibilidade à situação de dependência do humano em relação aos demais seres do mundo. Conclui-se que tais tipos de atividades são de inegável riqueza para o desenvolvimento de relações afetivas saudáveis com o meio ambiente.


Palavras-chave


Educação Ambiental; Afetividade; Representações.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/198464445470

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao

 


ISSN Eletrônico: 1984-6444

DOI: 10.5902/19846444

Qualis/Capes: Educação A1

 

Periodicidade – quadrimestral

Primeiro quadrimestre, jan./abr., limite para publicar a edição 30 abril.

Segundo quadrimestre, maio/ago., limite para publicar a edição 31 agosto.

Terceiro quadrimestre, set./dez., limite para publicar a edição 31 dezembro.

Os dizeres acima dizem respeito somente à data de publicação da edição e não ao envio de artigos.

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação. Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0).

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

____________________________________________________

   

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar