A decisão de amamentar durante a adolescência: um estudo na perspectiva cultural

Luiza Cremonese, Laís Antunes Wilhelm, Lisie Alende Prates, Andrêssa Batista Possati, Juliane Scarton, Lúcia Beatriz Ressel

Resumo


Doi: 10.5902/2179769219248

Objetivo: conhecer como foi culturalmente construída a decisão de amamentar, durante a adolescência, por um grupo de mulheres. Método: estudo de campo, descritivo, qualitativo, desenvolvido com oito mulheres. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada, e utilizou-se a análise de conteúdo temática da proposta operativa. Resultados:a decisão de amamentar associou-se à herança cultural, transmitida entre as gerações e caracterizada pelas influências familiares, as experiências prévias de outras mulheres e o conhecimento sobre os benefícios da amamentação para a criança. Ainda envolveu as orientações fornecidas pelos profissionais de saúde, e as captadas nos meios de comunicação. Conclusão: a decisão de amamentar constitui um processo de aprendizagem, construído no contexto em que as mulheres estão inseridas. Assim, a contribuição deste estudo perpassa a ampliação do olhar sobre a amamentação, reconhecendo-a como uma prática influenciada pela cultura. 


Palavras-chave


Saúde da mulher; Adolescente; Aleitamento materno; Cultura; Enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769219248



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.