PROJETO SORRIR FAZ BEM: O VOLUNTARIADO NA VIDA ACADÊMICA

Lauren Oliveira Lima Bohner, Luiz Jarbas Godoy Filho, Graziela de Luca Canto

Resumo


A Casa Lar Emaús é uma entidade privada, filantrópica e sem fins lucrativos que acolhe meninos de 6 aos 18 anos em situação de risco. A esses meninos é oferecida moradia, alimentação, reforço escolar, educação não formal, atividades esportivas, encaminhamento médico, e outras ações que visem desenvolvimento integral da criança. Todas as pessoas ligadas à instituição dedicam seu tempo voluntariamente. Para integrar os universitários no mundo do voluntariado, aproximandoos da comunidade em que vivem, o Grupo PET ODONTO-FONO realiza o Projeto Sorrir Faz Bem, no qual são desenvolvidas atividades voluntárias de reforço escolar na Casa Lar Emaús. Além de auxiliar nas tarefas de casa, os estudantes universitários apresentam aos jovens o prazer do estudo, contribuindo no resgate da sua auto-estima. Por sua vez, o projeto é uma experiência enriquecedora para o estudante universitário, já que proporciona crescimento pessoal e fortalecimento de sua cidadania.

Palavras-chave


Volunteering, extension project.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/223613083327

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.