Desempenho anaeróbico lático e aeróbico de mulheres com ciclo menstruai ovulatório

Cléo Pereira Ribeiro

Resumo


Este trabalho analisou o comportamento das potências anaeróbica lática e aeróbica durante as fases folicular e lútea do ciclo menstruai. O exercício físico induz respostas semelhantes entre os sexos. Entretanto, a mulher sofre flutuações significativas nos caminhos fisiológicos, uma vez que seus hormônios não são secretados continua­mente durante o mês. Esse padrão rítmico é conhecido por ciclo feminino ou menstruai: este apresenta duas fases - folicular e lútea. Alguns autores afirmam que durante a fase lútea o desempenho declina, enquanto outros não encontraram diferenças. A presente amostra foi formada por 5 mulheres, com ciclo ovulatório, idade entre 20 e 40 anos, moderadamente ativas. Para verificar a potência anaeróbica lática, utilizou-se o teste em pista de atletismo de 40 segundos e para verificar a potência aeróbica, foi aplicado um teste progressivo máximo com análise direta do V02 em ciclo ergômetro. Utilizou-se a estatística descritiva, o teste t e a correlação de Pearson com um nível de significância de p<0,05. Não houve diferenças significativas nas potências anaeróbica lática e aeróbica. As variáveis fisiológicas, volume ventilatório e temperatura corporal, apresentaram respostas significativamente di­ferentes. Constatou-se ainda, casos que apresentaram queda significativa no V02 máximo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2316546410374



Avaliação Qualis Capes (2014):

B4- Educação Física / B3- Interdisciplinar e Psicologia / B5- Educação 

Periodicidade: contínua

ISSN: 2316-5464 online

DOI: 10.5902/23165464

email: kinesisrevista@ufsm.br


 

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.