Representações sociais como condicionantes dos processos de desenvolvimento territorial

Alair Ferreira de Freitas, Alan Ferreira de Freitas

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2318179618130

Este trabalho objetiva compreender como as representações sociais condicionam os processos de desenvolvimento territorial no Território Serra do Brigadeiro (TSB). As Representações Sociais são utilizadas enquanto aporte teórico e metodológico para auxiliar no entendimento dos sistemas de interpretação que regem nossa relação com o mundo e com os outros, orientando e organizando as condutas e as intervenções na realidade. A partir da realização de entrevistas e de participação em reuniões do colegiado territorial percebemos que no caso do TSB as representações sociais sobre o território, a política pública e os projetos de desenvolvimento condicionaram a interação entre os atores sociais, a sua participação nas dinâmicas locais e ações de intervenção no território. Concluímos que as relações entre atores e deles com os processos instituídos com as políticas púbicas são inerentes às representações sociais que constroem sobre a realidade.


Palavras-chave


processos de desenvolvimento, representações sociais, território

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAMOVAY, R. Para uma teoria dos estudos territoriais. In: MANZANAL, M.; NEIMAN, G.; LATTUADA, M. (Org.). Desarrollo rural: Organizaciones, instituciones y territorios. Buenos Aires: Ediciones Ciccus, 2006.

ABRAMOVAY, R. O Capital Social dos territórios: repensando o desenvolvimento rural. Economia Aplicada, Ribeirão Preto, v. 4, n. 2, p. 379-397, 2000.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições Setenta, 2011.

BERDEGUE J.; et al. Determinantes de las dinámicas de desarrollo territorial rural em América Latina. Documento de Trabajo N°101. Programa Dinámicas Territoriales Rurales. Santiago: Rimisp, 2011.

BOISER, S. Post-scriptum sobre desenvolvimento regional: modelos reais e modelos mentais. Planejamento e políticas públicas, Brasília, n. 19, p. 307-343, 1999.

BONNAL, P.; CAZELLA, A. A.; DELGADO, N. G. Contribuições ao estudo do desenvolvimento territorial rural: reflexões metodológicas a partir do caso brasileiro. Biblio 3W, v. 17, n. 1002, 2012.

BOURDIEU, P. Razões Práticas: sobre a teoria da ação. Campinas: Ed. Papirus, 1996.

BRANDÃO, C. Territórios com classes sociais, conflitos, decisão e poder. In. ORTEGA, A. C.; ALMEIDA FILHO, N. (orgs.), Desenvolvimento territorial: segurança alimentar e economia solidária. Campinas: Editora Alínea, 2007.

BRASIL. Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA). Referências para o Desenvolvimento territorial sustentável. Brasília, DF: MDA/SDT, CONDRAF, 2003.

CENTRO DE TECNOLOGIAS ALTERNATIVAS DA ZONA DA MATA (CTA-ZM). PTDRS – Plano territorial de desenvolvimento rural sustentável da Serra do Brigadeiro. Viçosa: CTA-ZM, 2004.

COELHO, V. S. P.; FAVARETO, A. Dilemas da participação e desenvolvimento territorial. Revista de Desenvolvimento Econômico, v. 10, n. 18, p. 15-26, 2008.

DELGADO, N. G.; LEITE, S. P. Políticas de desenvolvimento territorial no meio rural brasileiro: novas institucionalidades e protagonismo dos atores. Dados, v. 54, n. 2, p. 431-473, 2011.

DOMINGUES, I. Epistemologia das ciências humanas - tomo 1: positivismo e hermenêutica. São Paulo: Loyla, 2004.

EISENHARDT, K. M. Building theories from case study research. Academy of Management Review, v. 14, n. 4, p. 532-550, 1989.

FAVARETO, A. Abordagem territorial do desenvolvimento rural: mudança institucional ou “inovação por adição”. Estudos Avançados, v. 24, n. 68, p. 299-319, 2010.

FAVARETO, A. S. Tendências contemporâneas dos estudos e políticas sobre desenvolvimento territorial. In: MIRANDA, C.; TIBURCIO, B. (org.) Políticas de desenvolvimento territorial rural no Brasil: avanços e desafios. Brasília: IICA, 2010

FAVARETO, A. S. Paradigmas do desenvolvimento rural em questão. 1. ed. São Paulo: Fapesp/Iglu, 2007. v. 1. 220 p.

FIALHO, M. A. V.; WAQUIL, P. D. O desenvolvimento rural: concepções e referências para a proposição de políticas públicas de desenvolvimento nos territórios rurais. Extensão Rural, n. 15, p. 129-165, jan-jun, 2008.

FROEHLICH, J. M.; ALVES, H. F. I. Novas identidades, novos territórios: mobilizando os recursos culturais para o desenvolvimento territorial. Extensão Rural, ano XIV, n. 15, p. 65-90, jan-dez, 2007.

GEERTZ, C. A interpretação das culturas. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1989.

GREENWOOD, E. Metodologia de la investigación social. Buenos Aires: Paidós, 1973.

HAESBAERT. R. O mito da desterritorialização: do “fim dos territórios” à multiterritorialidade. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2004.

HOROCHOVSKI, M. T. H. Representações sociais: delineamentos de uma categoria analítica. Em Tese, v. 2, n. 1, jan./jun., p. 92-106, 2004.

INSTITUTO VITUAL DE TURISMO. Boas Práticas para o turismo comunitário, 2015. Disponível em: http://www.ivt-rj.net/ivt/indice.aspx?pag=n&id=10537&cat=SUDESTE%20.%20Minas%20Gerais&ws=0. Acesso em: 20 de Janeiro de 2016.

JODELET. D. Representações sociais: um domínio em expansão. In: JODELET, D. (Org.). As representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2001. p. 17-44.

JOHN, P. Analysing public policy. Londres: Printer, 1999.

MOSCOVICI, S. Representações sociais: investigações em psicologia social. Petrópolis: Vozes, 2003.

OLIVEIRA, M. S. B. S. de. Representações sociais e sociedades: a contribuição de Serge Moscovici. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 19, n. 55, jun., p.180-186, 2004.

STAKE, R. E. Case Studies. In: DENZIN, Norman K.; LINCOLN, Y. S. Handbook of qualitative research. London: Sage, 1994.

THEYS, J. O ordenamento territorial face ao desenvolvimento sustentável: sentido e limites de uma integração. Eisforia, v. 4, n. especial, p. 179-198, 2006.

TRIVIÑOS, A. N. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos, 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.




DOI: https://doi.org/10.5902/2318179618130

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Licença Creative Commons
Extensão Rural está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

...................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

*** DESDE 2014 O PERIÓDICO É PUBLICADO TRIMESTRALMENTE***

.....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

Geral: 10.5902/23181796 (os especificos estão nos RESUMOS - clique sobre o titulo do trabalho, no sumário) 


Periódico Extensão Rural

ISSN impresso: 1415-7802

ISSN on-line: 2318-1796

.........................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

INDEXADORES -  INDEXERS

INTERNACIONAL: 1- AGRIS 2- Latindex-Directorio 3- Diretório Luso-Brasileiro 4- REDIB 5- Journals for Free 6- EZB Nutzeranfragen 7- OAJI 8 - ROAD - 9- MIAR 

NACIONAL: 10- AGROBASE 11- Portal livRe! 12- Sumários.org 13- Diadorim 14- Portal SEER 15- Portal de Periódicos CAPES 16- Rede Cariniana 17- Google Scholar 18- Sabiia

 ...................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

CONTATO:
E-mail: atendimento.extensao.rural@gmail.com- Campus Universitário - Departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural/Centro de Ciências Rurais/Universidade Federal de Santa Maria - Prédio 44 (CCR II) - 1º Piso - CEP: 97105-900 - Santa Maria - RS - BRASIL. 

 

"Os trabalho publicados na revista Extensão Rural são de responsabilidade dos seus autores e não representam necessariamente a opinião dos editores. Reprodução dos trabalhos é permitida, desde que a fonte seja citada."

.........................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

Visite nosso perfil no Facebook

Visite nossa página no Facebook


Baseado no trabalho disponível em https://periodicos.ufsm.br/extensaorural.