CADEIA PRODUTIVA DE ENERGIA DE BIOMASSA FLORESTAL: O CASO DA LENHA DE EUCALIPTO NO POLO PRODUTIVO DE ITAPEVA - SP

Flávio José Simioni, Claudio Cesar de Almeida Buschinelli, Tamires Liza Deboni, Bruna Mariá dos Passos

Resumo


A biomassa de origem florestal é uma importante fonte de energia na matriz energética brasileira em que o eucalipto representa a principal espécie para o suprimento da demanda de lenha. Por essa razão, diagnosticar os fatores críticos que limitam o desempenho competitivo da cadeia produtiva da lenha de eucalipto foi o objetivo do trabalho. A área de estudo escolhida (selecionada) foi o polo produtivo de Itapeva - SP e a pesquisa de campo foi realizada no segundo semestre de 2013, utilizando a análise de cadeias produtivas como marco teórico conceitual. Como instrumento para a coleta dos dados, utilizou-se o questionário semiestruturado, um roteiro de entrevistas e painéis envolvendo questões relacionadas à cadeia produtiva da lenha de eucalipto, contemplando 23 diferentes agentes da cadeia. A cadeia analisada demonstrou estruturação, porém, tem enfrentado um revés produtivo decorrente de uma conjuntura macroeconômica que resultou em queda da demanda de produtos de origem florestal, e entraves locais de significativa importância, que precisam ser contornados para aumentar o desempenho da cadeia.


Palavras-chave


biomassa; bioenergia; mercado florestal

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1980509831602

Licença Creative Commons