Gestão do risco de crédito em cooperativas agroindustriais: um estudo de caso

Paulo Alberto Machinski, Vilmar Rodrigues Moreira, Rodrigo Alves Silva

Resumo


Esse artigo discute a gestão de risco de crédito em cooperativas agroindustriais, que são importantes fornecedoras de crédito de custeio para produtores no Brasil. Também apresenta e discute o modelo de credit rating desenvolvido por uma Cooperativa Agroindustrial Brasileira e a eficiência da sua carteira de crédito. Foi observado que o credit rating possibilitou avançar no grau de profissionalização na concessão de crédito, superando o paradigma da decisão ser exclusivamente julgamental. O modelo também auxiliou a Cooperativa na aplicação de uma política financeira mais justa perante o quadro associativo, bem como a minimização de riscos. Dado que a Cooperativa oferece créditos aos seus cooperados que são, ao mesmo tempo, fornecedores, clientes e “proprietários”, tais práticas são envoltas a dificuldades político-gerenciais adicionais. Com tal ambiente o artigo traz à luz da discussão acadêmica o desempenho e a expertise da cooperativa estudada no complexo gerenciamento de risco de crédito em cooperativas agroindustriais. O relato da experiência da Cooperativa, juntamente com os pressupostos teóricos e boas práticas sobre gestão de risco de crédito, podem auxiliar gestores a definir e organizar políticas de crédito mais eficientes e com menor risco.

Palavras-chave


Risco de crédito, Credit rating, Cooperativas agroindustriais, Agronegócio, Gestão de cooperativas.

Texto completo:

PDF

Referências


Abdou, H., & Pointon, J. (2011). Credit scoring, statistical techniques and evaluation criteria: a review of the literature. Intelligent Systems in Accounting, Finance and Management, 18, 59-88.

Akhtar, K., & Mujahid, M. (2014). Measuring Default Risk in Farm and Non-Farm Sector. Journal of Economics and Sustainable Development. 5 (22), 96-102.

Bluhm, C., Overbeck, L., & Wagner, C. (2003). An introduction to credit risk modeling. London: Chapman & Hall.

García, F., Giménez, V., & Guijarro, F. (2013). Credit risk management: A multicriteria approach to assess creditworthiness. Mathematical and Computer Modelling, 57, 2009-2015.

Jacobs, D., & Rayner, V. (2012). The Role of Credit Supply in the Australian Economy. Research Discussion Paper, 2012-2. Reserve Bank of Australia. Recuperado em 22/12/2015, de http://www.rba.gov.au/publications/rdp/2012/pdf/rdp2012-02.pdf.

Jouault, A., & Featherstone, A. M. (2011). Determining the Probability of Default of Agricultural Loans in a French Bank. Journal of Applied Finance & Banking. 1(1), 1-30.

Revista Globo Rural. (2013). Anuário do Agronegócio 2013. Rio de Janeiro: Editora Globo.

Silva, J. P. (2014). Gestão e análise do risco de crédito (8a. ed.). São Paulo: Atlas.




DOI: https://doi.org/10.5902/2359043234611

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. 

     

   

   

 

ISSN Eletrônico: 2359-0432

ISSN Impresso: 2446-7103