Atividade física e fatores associados em adolescentes do interior do Rio Grande do Sul

Nadiessa Stochero, Greice Vieiro da Silva Leal, Giovana Cristina Ceni, Vanessa Ramos Kirsten

Resumo


O objetivo do estudo consistiu em avaliar a prática de atividade física e fatores associados em adolescentes.  A prática de atividade física foi avaliada segundo o Questionário Internacional de Atividade Física, e se o adolescente praticava alguma modalidade esportiva. Os fatores associados foram sexo, idade, se já experimentou cigarro, uso de bebida alcoólica nos últimos 30 dias, excesso de peso e consumo diário de frutas e verduras. A amostra foi considerada ativa fisicamente (87,2%) e praticante de modalidade esportiva (72,3%). Adolescentes do sexo masculino apresentaram-se mais ativos e praticantes de modalidades esportivas do que as moças. Jovens de 12-15 anos praticam mais modalidades esportivas do que os de 16-19 anos. Os adolescentes que fazem uso de bebidas alcoólicas são os que mais praticam modalidades esportivas. A amostra apresentou prevalência de adolescentes fisicamente ativos e praticantes de modalidades esportivas, e estiveram associados com idade, sexo, consumo de bebida alcoólica e cigarro.


Palavras-chave


Saúde do Adolescente; Atividade Física; Sedentarismo; Consumo de Alimentos

Texto completo:

PDF

Referências


- Malta DC, Sardinha LMV, Mendes I, Barreto SM, Giatti L, Castro IRR, et al. Prevalência de fatores de risco e proteção de doenças crônicas não transmissíveis em adolescentes: resultados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE). Rev Saúde coletiva. 2010; 15:3009-19.

- Ministério da Saúde (BR). Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE).Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Acesso em: 28 mar 2015. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/pense/pense.pdf.

- Frainer DE, Silva MC, Santana ML, Santos NS, Oliveira LP, Barreto ML, et al. Prevalência e Fatores Associados ao Excesso de Peso em Adolescentes de Salvador, Bahia, Brasil. Rev Bras Med Esporte. 2011; 17:142-60.

- Júnior JC, Lopes AS, Mota J, Hallal PC. Prática de atividade física e fatores associados em adolescentes no Nordeste do Brasil. Rev Saúde Pública. 2012; 46:505-15.

- Baruki SB, Rosado EF, Rosado GP, Ribeiro RC. Associação entre estado nutricional e atividade física em escolares da Rede Municipal de Ensino em Corumbá – MS. Rev Bras Med Esporte. 2006; 12:120-30.

- Guedes DP, Lopes CC, Guedes JERP. Reprodutibilidade e validade do Questionário Internacional de Atividade Física em adolescentes. Rev Brasileira de Medicina do Esporte. 2005; 11:151-80.

- Associação Brasileira de Empresas e de Pesquisa (CCEB). Critério de Classificação Econômica. Brasil 2009. Acesso em: 28 mar 2015. Disponível em: < http://www.abep.org/novo/Content.aspx?ContentID=302 >

- Araújo MC, Ferreira DM, Pereira RA. Reprodutibilidade de questionário semiquantitativo de frequência de consumo de alimentos elaborado para adolescentes da região metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil. Rev Cadernos de Saúde Pública. 2008; 24:2775-86.

- Oehlschaeger MHK, Pinheiro RT, Horta B, Gelatti C, Santana P, et al.Prevalência e fatores associados ao sedentarismo em adolescentes de área urbana. Saúde Pública. 2004; 38: 157-163.

- Guedes DP, Guedes, JER; Barbosa, Sabbatini D, Oliveira JA. Níveis de prática de atividade física habitual em adolescentes. Rev Bras Med Esporte. 2000; 7:187-199.

- Silva Kl, Nahas MV, Hoefelmann LP, Lopes AS, Oliveira ES. Associações entre atividade física, índice de massa corporal e comportamentos sedentários em adolescentes. Rev Bras Epidemiol. 2008; 11: 159-68.

- Silva RR, Malina RM. Nível de atividade física em adolescentes do Município de Niterói, Rio de Janeiro, Brasil. Rev Cad. Saúde Pública. 2000; 16:1091-97.

- Ceschini FL, Andrade DR, Oliveira LC, Júnior JFA, Matsudo VKR. Prevalência de inatividade física e fatores associados em estudantes do ensino médio de escolas públicas estaduais. Rev Jornal de Pediatria. 2009; 36:101-09.

- Oliveira TC, Silva AA, Santos CJN, Silva JS, Conseição SIO. Atividade física e sedentarismo em escolares da rede pública e privada de ensino em São Luís. Rev Saúde Pública. 2010; 44:996-1004.

- Silva DAS, Silva RJS. Associação entre prática de atividade física com consumo de frutas, verduras e legumes em adolescentes do Nordeste do Brasil. Rev Paulista de Pediatria. 2015; 33:167-73.




DOI: https://doi.org/10.5902/2236583421826

Direitos autorais 2018 Saúde (Santa Maria)

______________________________________________________________

Peridiocidade: Fluxo Contínuo.


Qualis:


Interdisciplinar e Educação Física - B3

Ciências Ambientais, Enfermagem, Odontologia e Saúde Coletiva - B4

Medicina Veterinária - B5

Biotecnologia e Ciências Biológias II - C

  

 Licença Creative Commons 

Saúde (Santa Maria) ∴ revistasaude.ufsm@gmail.com

eISSN 2236-5834 ∴ DOI 10592/22365834

 

Acessos desde 08/08/2013.