EDUCAÇÃO NÃO FORMAL: O CEMITÉRIO COMO ESPAÇO PÚBLICO PARA O ENSINO DA GEOGRAFIA

FRANCISLEILE LIMA NASCIMENTO, Pollyana Fontinelle Vilela, Maria Dutra Cardoso, Márcia Teixeira Falcão

Resumo


A presente pesquisa aborda a temática da morte através do cemitério como espaço público não formal para o ensino da geografia, com intuito de apresentar o cemitério como um objeto de estudo para o ensino da geografia, tendo em vista que neste espaço há existência de diversos elementos sociais pertinentes a serem considerados, tais como: a desigualdade social, segregação espacial, paisagens urbanas entre outros. Tem como objetivo mostrar através da metodologia de aula de campo que o cemitério pode ser utilizado como um espaço público não formal para o ensino da geografia destacando o uso de ferramentas tecnológicas, a produção de material didático como de maquetes e croquis. A pesquisa parte de uma revisão bibliográfica, fazendo uso da pesquisa exploratória e explicativa, a partir da abordagem qualitativa, onde os procedimentos para a coleta de dados se dão através da análise de conteúdo. Dessa forma, a pesquisa mostra que o espaço público não formal do cemitério pode e deve ser explorado pelo docente de geografia oportunizando ao alunado a possibilidade do desenvolvimento de habilidades que favoreçam as diversas aprendizagens.


Palavras-chave


Espaço não formal; Educação; Cemitério; Ensino de geografia

Referências


ALMEIDA, L. M. A. de.; RIGOLIN, T. B. Fronteiras da Globalização: o mundo natural e o espaço humanizado – 1º ano, Geografia (Ensino Médio). v. 1., 2. ed. São Paulo, SP: África, 2013.

ALMEIDA, L. M. A. de.; RIGOLIN, T. B. Fronteiras da Globalização: o espaço geográfico globalizado – 2º ano, Geografia (Ensino Médio). v. 2., 2. ed. São Paulo, SP: África, 2013.

ALMEIDA, L. M. A. de.; RIGOLIN, T. B. Fronteiras da Globalização: o espaço brasileiro: natureza e trabalho – 3º ano, Geografia (Ensino Médio). v. 3., 2. ed. São Paulo, SP: África, 2013.

ALMEIDA, P. N. Dinâmica Lúdica: jogos pedagógicos. São Paulo, SP: Loyola, 1984.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. São Paulo, SP: Edições 70, 2011.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s). Geografia: temas transversais. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC/SEF, 2001. Disponível em: . Acesso: em: 15 jun. 2019.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s). História, Geografia. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC/SEF, 1997. Disponível em: . Acesso: em: 15 jun. 2019.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s). Introdução aos Parâmetros Curriculares Nacionais (1997). Brasília: MEC, 1997. Disponível em: . Acesso: em: 15 jun. 2019.

CASTROGIOVANNI, A. C. Para entender a necessidade de práticas prazerosas no ensino de Geografia na pós-modernidade. In: REGO, N. Geografia: práticas pedagógicas para o ensino médio. Porto Alegre, RS: Artmed, 2007.

COSTA, M. N. de M. G.; ARAÚJO, R. P. de. A importância da visita técnica como recurso didático metodológico. Um relato na prática do IF Sertão Pernambucano. In: CONGRESSO NORTE E NORDESTE DE PESQUISAS E INOVAÇÕES, n. 3., 2012, Anais... Palmas - TO, 2012.

CURY, C. R. J. A Educação Básica no Brasil. Revista Educação & Sociedade [online], São Paulo - SP, v. 23., n. 80., p. 168-200, 2002.

FERREIRA, A. A.; RODRIGUES, S. X. C.; JESUS, J. N. de. A importância da prática de ensino em Geografia. In: EDIPE – ENCONTRO ESTADUAL DE DIDÁTICA E PRÁTICA DE ENSINO, v. 4., Anais... Quirinópolis - GO, 2011.

GIL, A. C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. 6. ed. São Paulo, SP: Atlas, 2008.

GOHN, M. da G. Educação não formal: um novo campo de atuação. Revista Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro - RJ, v. 6., n. 21., p. 511-526, 1998.

JACOBUCCI, D. F. C. Contribuições dos espaços não-formais de educação para a formação da cultura científica. Revista em Extensão, Minas Gerais - GO, v. 7., n. 1., 2008.

KLIMEK, R. L. C. Como aprender Geografia com a utilização de jogos e situações problema. In: PASSINI, E. Y.; PASSINI, R.; MALYSZ, S. T. Prática de ensino de Geografia e estágio supervisionado. São Paulo, SP: Contexto, 2007.

LEON LUCAS, A. Os cemitérios no bairro fragata: uma relação entre o antigo e o contemporâneo. 2006. 105p. Monografia (Especialização em Patrimônio) – UFP, Pelotas-RS.

LIMA, F. S. O conhecimento geográfico. Salvador, BA: Universidade do Estado da Bahia - Departamento de Ciências Humanas - Campus VI – Caetité, 2002.

LUCCI, E. A.; BRANCO, A. L. Geografia: homem e espaço, 6º ano. Geografia (Ensino Fundamental). 26. ed. São Paulo, SP: Saraiva, 2015.

LUCCI, E. A.; BRANCO, A. L. Geografia: homem e espaço, 7º ano. Geografia (Ensino Fundamental). 24. ed. São Paulo, SP: Saraiva, 2015.

LUCCI, E. A.; BRANCO, A. L. Geografia: homem e espaço, 8º ano. Geografia (Ensino Fundamental). 27. ed. São Paulo, SP: Saraiva, 2015.

LUCCI, E. A.; BRANCO, A. L. Geografia: homem e espaço, 9º ano. Geografia (Ensino Fundamental). 27. ed. São Paulo, SP: Saraiva, 2015.

MAIA, M. de C.; MENDONÇA, A. L.; LEITE, J. C. A aplicação de tecnologias educacionais num curso a distância: o caso GVnext. FGV-EAESP. Disponível em: . Acesso em: 02 dez. 2019.

MARCONI, M. de A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de Pesquisa. 5. ed. São Paulo, SP: Atlas, 2006

MARTINI, A.; GUIMARÃES, D. L.; MAZZUCO, R. I. D. L. G.; MUNIZ, S. S. Cemitério Jardim da Paz como patrimônio histórico, cultural, material e imaterial. Missões: Revista de Ciências Humanas e Sociais, Rio Grande do Sul - RS, v. 3., n. 2., 2018.

MIRANDA, S. L. O lugar do desenho e o desenho do lugar no ensino de geografia: contribuição para uma geografia escolar crítica. 2005. iv, 158 f. Tese (Doutorado em Geografia) - USP, Rio Claro-SP.

MONEZI, C. A.; FILHO, C. O. Corrêa de Almeida. A visita técnica como recurso metodológico aplicado ao curso de engenharia. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENSINO DE ENGENHARIA, v. 33., 2005, Anais... Campina Grande - PB, 2005.

MONTAGNINI, R. C.; CAVA, L. C. C.; ANDRADE, K. G. Ensino das artes e música: pedagogia. São Paulo, SP: Pearson Prentice Hall, 2009.

MOURA, C. A. de. Visita técnica realizada no viveiro de mudas da Mineração Onça Puma com o propósito de inserção de valores ambientais na formação acadêmica. Centro Nacional de Educação a Distância. Porto Alegre, RS: CENED, 2008. Disponível em: . Acesso em: 02 dez. 2019.

MOURA, M. T. J. A. de. Escola e Museu de Arte: uma parceria possível para a formação artística e cultural das crianças. In: 28ª REUNIÃO ANUAL DA ANPED, n. 1., v. 18., Anais... Rio de Janeiro - RJ, 2005.

NASCIMENTO, F. L. Análise descritiva do cemitério público municipal urbano localizado na Região Norte no Estado de Roraima-RR. 2016a. 141p. Monografia (Bacharel em Geografia) – UFRR, Boa Vista-RR.

NASCIMENTO, F. L. Arquivo da pesquisa de campo: Croqui - Planta de situação, locação do cemitério e seu entorno - Cemitério Público Urbano Nossa Senhora das Graças de Mucajaí – Roraima/RR (CD-ROM). Boa Vista, RR, 2019a.

NASCIMENTO, F. L. Arquivo da pesquisa de campo: fotografias das maquetes confeccionadas em escala de 1:250 cm dos cemitérios da Região Sul do Estado de Roraima/RR (CD-ROM). Boa Vista, RR, 2019b.

NASCIMENTO, F. L. Arquivo da pesquisa de campo: fotografias do Cemitério Público Municipal Nossa Senhora da Conceição, Boa Vista – Roraima/RR (CD-ROM). Boa Vista, RR, 2016b.

NASCIMENTO, F. L. Arquivo da pesquisa de campo: fotografias do Cemitério Público Urbano Nossa Senhora das Graças de Mucajaí – Roraima/RR (CD-ROM). Boa Vista, RR, 2015.

NASCIMENTO, F. L. Cemitérios públicos urbanos municipais da região sul do estado de Roraima (1995-2018). 2019c. 412p. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional da Amazônia) – UFRR, Boa Vista-RR.

PACHECO, A. Meio Ambiente e Cemitérios. São Paulo, SP: Editora SENAC São Paulo, 2012.

PASSERINI, G. A. O estágio supervisionado na formação inicial do professor de Matemática na ótica de estudantes do curso de licenciatura em Matemática da UEL. 2007. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – UEL, Londrina-PR.

PINTO, M. A infância como construção social. Minho-Portugal: Centro de Estudos da Criança, 1997.

PITANO, S, C.; ROQUÉ, B. B. O uso de maquetes no processo de ensino-aprendizagem segundo licenciados em Geografia. Revista Educação Unisinos, São Leopoldo - RS, n. 19., p. 273-282, 2015.

RAMOS, P.; RAMOS, M. M.; BUSNELLO, S. J. Manual prático de metodologia da pesquisa: artigo, resenha, projeto, TCC, monografia, dissertação e tese. Blumenau, SC: Acadêmica, 2005.

ROSA, R. Trabalho docente: dificuldades apontadas pelos professores no uso das tecnologias. Revista Encontro de Pesquisa em Educação, Uberaba - MG, v. 1., n. 1., p. 214-227, 2013.

SANTOS, S. C. dos. O processo de ensino-aprendizagem e a relação professor-aluno: aplicação dos “sete princípios para a boa prática na educação de ensino superior”. Revista Caderno de Pesquisas em Administração, São Paulo - SP, v. 8., n. 1., 2001.

SCHEER, S. Multimeios em EAD. In: Educação à distância: um debate multidisciplinar. Curitiba: UFPR, 1999.

SILVA, M. C. da. A concepção de professores do Ensino Médio sobre a importância da disciplina de Geografia para a formação de seu aluno. 2004. Monografia (Especialização em Prática Docente) – UNESC, Criciúma-SC.

SILVA, V.; MUNIZ, A. M. V. A geografia escolar e os recursos didáticos: o uso das maquetes no ensino-aprendizagem da geografia. Revista Geosaberes, Fortaleza - CE, v. 3., n. 5., p. 62-68, 2012.

SILVESTRE, D.; OLIVEIRA, I. M. C. F. de L.; MOREIRA, M. de F. A. R. O trabalho de campo como prática pedagógica no ensino da Geografia. Centro de Ciências Exatas e da Natureza. Paraíba, PB: Departamento de Geociências/PRODOCÊNCIA, 2009.

TOMITA, L. M. S. Trabalho de Campo como ins¬trumento de Ensino em Geografia. Geografia: Revista do Departamento de Geociências, Lon¬drina - PR, v. 8., n. 1., p. 13-15, 1999.

VAINE, T. E.; LORENZETTI, L. Potencialidades dos espaços não-formais de ensino para a alfabetização científica: um estudo em Curitiba e região metropolitana. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS - XI, Anais ... 2017.




DOI: https://doi.org/10.5902/2236499442796

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Indexações e Bases Bibliográficas