Avaliação dos eventos extremos de chuva na região pluviometricamente homogênea do Alto Sertão da Paraíba entre 1994-2016

João Victor Pequeno Olivera, Daisy Beserra Lucena, Paulo Ricardo Cavalcante de Lima

Abstract


Os eventos extremos de chuva são um problema que vem se agravando, e a irregularidade do regime pluviométrico na região do Alto Sertão paraibano preocupa ainda mais no tocante aos impactos provocados. Diante disso, este trabalho tem como objetivo determinar os limares extremos diários de chuva e, analisar os eventos que neles se enquadram; como também, verificar desastres associados aos maiores eventos chuvosos, no período de 1994-2016. Para tanto, aplicou-se a técnica dos quantis, e obtiveram-se os limares de Chuva Muito Forte (CMF) e Chuva Extremamente Forte (CEF) para cada município e uma média para a região. Os resultados apontam que estes eventos de CMF ou CEF não são tão raros no Alto Sertão, podendo ocorrer em média mais de uma vez por ano em cada município, no caso do primeiro tipo. Os maiores registros se dão nos meses de janeiro e março, que estão dentro da quadra chuvosa da área em estudo. Nas cidades de Aguiar e Itaporanga se observa o maior número de episódios de chuvas extremas, p≥86,7 mm. Por fim, foi verificado que alguns desses eventos de CEF, ou mesmo de CMF, causaram transtornos ou desastres em municípios estudados, o que exige uma atenção maior e mais detalhada para essa questão, afim do favorecer ações preventivas e de respostas contra alagamentos e inundações, como também, para às disfunções associadas a eles.


Keywords


Técnica dos Quantis; Chuva forte; Desastres

References


ALVES, J.J.A.; SOUSA, E.N.; NASCIMENTO, S.S. Núcleos de desertificação no Estado da Paraíba. Ra'ega (UFPR), v. 17, 2009.

ARAÚJO, L.E.; NETO, M.M.J.; SOUZA, S.A.F.;Classificação da precipitação anual e da quadra chuvosa da bacia do rio Paraíba utilizando o Índice De Anomalia De Chuva (IAC). Revista Ambiente & Água – An Interdisciplinary Journal of Applied Science: v.4, n.3, 2009.

Blog do Djacir Pereira. Disponível em: < http://www.blogdodjacirpereira.com.br/ >. Acesso em: 26 de 07 de 2018.

BRITO, D.S.; SILVA, J.M.O. Estudos dos impactos pluviométricos e dos eventos extremos no município de Crato-CE. Revista Geonorte, v. 1, p. 964-976, 2012.

COLLISCHONN, W.; TASSI, R. Introduzindo Hidrologia. Instituto de Pesquisas Hidráulicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Sul. 2008. 149 p.

COSTA, M.S.; LIMA, K.C.; ANDRADE, M. M.; GONCALVES, W.A. Tendências observadas em extremos de precipitação sobre a região Semiárida do Nordeste do Brasil. Revista Brasileira de Geografia Física, v. 8, p. 1321-1334, 2015.

DUARTE, C.C.; COUTINHO, R.Q.; NOBREGA, R.S. Análise climatológica e dos eventos extremos de chuva no município de Ipojuca, Pernambuco. Revista de Geografia (Recife), v. 32, p. 158-176, 2015.

FUNCEME. Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos. Disponível em: < http://msg.funceme.br:8082/funceme/categoria1/tempo-e-clima/sistemas-atmosfericos-atuantes-sobre-o-nordeste>. Acesso em: 29 de 07 de 2018.

GONÇALVES, N.M.S. Impactos pluviais e desorganização do espaço urbano em Salvador. In: MENDONÇA, F.; MONTEIRO, C.A.F. (Org.). Clima urbano. 2. ed. São Paulo: Contexto, 2013.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia. Disponível em: < https://ww2.ibge.gov.br/home/ >. Acesso em: 29 de 07 de 2018.

LOUREIRO, R.S.; SARAIVA, J.M.; SARAIVA, I.; SENNA, R.C.; FREDÓ, A.S. Estudo dos eventos extremos de precipitação ocorridos em 2009 no estado do Pará. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 29, p. 83-94, 2014.

MARENGO, J.A.; CUNHA, A.P.; ALVES, L.M. A seca de 2012-15 no semiárido do Nordeste do Brasil no contexto histórico. Climanálise. 3, 1–6. 2016.

MARENGO, J.A.; ALVES, L.M.; BEZERRA, E.A.; LACERDA, F.F. Variabilidade e mudanças climáticas no Semiárido Brasileiro. In: Salomão de Souza Medeiros; Hans Raj Gheyj; Carlos de Oliveira Galvão; Vital Pedro da Silva Paz. (Org.). Variabilidade e mudanças climáticas no Semiárido Brasileiro. 1ed.Campina Grande: Instituto Nacional do Semiárido, 2011, v. 1, p. 383-416.

MARENGO, J. A.Mudanças climáticas e eventos extremos no Brasil. Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável – FBDS. 2010. Disponível em: < http://www.fbds.org.br/cop15/FBDS_MudancasClimaticas.pdf >. Acesso em: 29 de maio de 2018.

MARENGO, J.A. Mudanças climáticas globais e regionais: Avaliação do clima atual do Brasil e projeções de cenários climáticos do futuro. Revista Brasileira de Meteorologia, v.16, p. 1-18. 2002.

MONTEIRO, J.B.; ZANELLA, M.E. Eventos extremos diários em Fortaleza-CE, Brasil: Uma análise estatística de episódios pluviométricos intensos. In: 14° Encontro de Geógrafos da América Latina, 2013, Lima. Anales del XIV Encuentro de Geógrados de América Latina 2013 Peru, 2013.

MONTENEGRO, A.A.A.; MONTENEGRO, S.M.G.L. Olhares sobre as políticas públicas de recursos hídricos para o semiárido. In: GHEYI, H. R.; VITAL, P. S. P.; MEDEIROS, S. S.; GALVÃO, C. O. (Org.). Recursos Hídricos em Regiões Áridas e Semiáridas: Estudos e Aplicações. Campina Grande; Cruz das Almas: Instituto Nacional do Semiárido; UFRB, 2012. p. 1-27.

S2ID. Sistema Integrado de Informações Sobre Desastres. Disponível em: < https://s2id.mi.gov.br/ >. Acesso em: 29 de julho de 2018.

SILVA, V.C.; LUCENA, D.B. Análise da variabilidade e da influência de eventos climáticos sobre a precipitação no alto sertão da Paraíba. In: XII Congresso de Iniciação Científica da UFCG. Campina Grande-PB. 2015.

SOUZA, W.M. Impactos Socioeconômicos e Ambientais Decorrentes dos Desastres Associados às Chuvas na Cidade do Recife-PE; Tese (Doutorado em Recursos Naturais) - Universidade Federal de Campina Grande, 2011.

TUCCI, C.E.M. Hidrologia: Ciência e Aplicação. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2012. 944p.

XAVIER, T. M. B. S.; XAVIER, A. F.S.; ALVES, J. M. B. Quantis e eventos extremos: aplicações em ciências da terra e ambientais. Fortaleza: RDS, 2007. p.278.

XAVIER, T. M. B. S.; XAVIER, A. F.S. Papel da componente meridional do vento na costa do Nordeste para previsão de chuva no Estado do Ceará. In: Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 1997, Vitória-ES. Anais...Vitória, 2004. p.537-543.

XAVIER, T. M.B.S. Tempo de chuva: estudos climáticos e de previsão para o Ceará e nordeste setentrional. Fortaleza: ABC Editora, 2001. p.478.

ZANELLA, M.E. Inundações Urbanas em Curitiba/PR: Impactos, Riscos e Vulnerabilidade Socioambiental no Bairro Cajuru. Tese (Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento) – Universidade Federal do Paraná, 2006.




DOI: https://doi.org/10.5902/2179460X34686

Copyright (c) 2020 Ciência e Natura

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

 

DEAR AUTHORS,

PLEASE, CHECK CAREFULLY BEFORE YOUR SUBMISSION:

1. IF ALL AUTHORS "METADATA" (ORCID, LINK TO LATTES, SHORT BIOGRAPHY, AFFILIATION) WERE ADDED,

2. THE CORRECT IDIOM YOUR SECTION,

3 IF THE HIGHLIGHTS WERE ADDED,

4. IF THE GRAPHIC ABSTRACTS WAS ADDED,

5. IF THE REVIEWERS INDICATION WAS DONE,

6. IF THE REFERENCES FORMAT ARE CORRECT(ABNT)

7. IF THE RESOLUTION YOUR FIGURES (600 DPI) ARE SUITABLE

8.  IF THE STATEMENT BY THE ETHICS COMMITTEE (IF IT INVOLVES HUMANS) WAS ADDED;

9. IF THE DECLARATION OF ORIGINALITY WAS ADDED.

10. IF THE TEXT IS ORIGINAL. IF THE IDEA HAS ALREADY BEEN REGISTERED IN SUMMARY FORM, OR PUBLISHED IN CONGRESS ANNUALS, PLEASE INFORM THE EDITOR.