As políticas do medo: o significado dos discursos da extrema-direita populista

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5902/2316882X64319

Palavras-chave:

Políticas do medo, extrema-direita, populismo, discurso de ódio.

Resumo

Neste livro, por meio de uma perspectiva histórico-discursiva, é analisada a trajetória de partidos/políticos populistas de direita na Europa e nos Estados Unidos de 1980 a 2013, bem como suas retóricas racistas, xenofóbicas, nacionalistas e antissemitas. Nos EUA, foi estudado o Partido Republicano, mais especificamente o Tea Party – um grupo conservador formado por republicanos que defendem políticas fiscais ultraliberais e a interpretação da constituição segundo as perspectivas e os preconceitos de 1787, quando foi criada – ato que não levaria em consideração as lutas por direitos de LGBT+, negros, mulheres, judeus e outros grupos, que eram negligenciados no período. Estima-se que 10% dos norte-americanos façam parte desse movimento, segundo a autora. Na Europa, ela estuda partidos como UK Indenpendence Party (Reino Unido); British National Party (Reino Unido); Freedom Party of Austria (Austria); Front National (França); Lega Nord (Itália); Alleanza Nazionale (Itália); Five Star Movement (Itália) e Forza Italia (Itália). Mesmo estando em diferentes países, todos esses partidos são anti-imigração e defendem cortes significativos nas políticas públicas de imigração legal, assim como a superioridade de pessoas caucasianas, heterossexuais/cisgêneras e não pobres.

Biografia do Autor

Igor Lacerda, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

Doutorando em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (PPGCom UERJ - Bolsista CAPES). Mestre em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Graduado em Comunicação pela Universidade Veiga de Almeida. Pesquisador no Laboratório de Comunicação, Cidade e Consumo (LACON-UERJ).

Referências

WODAK, Ruth. The politics of fear: what right-wing populist discourses mean. London: Sage, 2015.

Downloads

Publicado

2021-10-29

Como Citar

Lacerda, I. (2021). As políticas do medo: o significado dos discursos da extrema-direita populista. Cadernos De Comunicação, 25(2). https://doi.org/10.5902/2316882X64319

Edição

Seção

Resenhas