CONTAGEM DE BACTÉRIAS HETEROTRÓFICAS NA ÁGUA PARA CONSUMO HUMANO: COMPARAÇÃO ENTRE DUAS METODOLOGIAS

Vanessa Oliveira Domingues, Gilda Dias Tavares, Fernanda Stuker, Tiago Mozzaquatro Michelot, Luiz Gustavo Brenner Reetz, Claudia de Mello Bertoncheli, Rosmari Horner

Resumo


A contagem de bactérias heterotróficas é amplamente utilizada como indicador da qualidade da água potável, sendo que os microrga-nismos são detectados por propagação em meios não-seletivos. O objetivo deste trabalho foi comparar as metodologias de “PourPlate” e a semeadura por esgotamento para a contagem de bactérias heterotróficas em águas provenientes de poços artesianos e demaisfontes alternativas da região de Santa Maria. Foram analisadas 43 amostras de água de poços artesianos e fontes alternativas, coletadasdurante o período de 11 de julho a 10 de novembro de 2005. O método de semeadura por esgotamento revelou maior sensibilidade(58,2%) em relação ao “Pour Plate” (9,2%); houve compatibilidade do número de colônias em 32,6% das amostras avaliadas porambas as técnicas. A partir dos dados obtidos foi possível observar o melhor desempenho da metodologia de semeadura por esgotamen-to.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/223658346458

Direitos autorais

______________________________________________________________

Peridiocidade: Fluxo Contínuo.


Qualis:


Interdisciplinar e Educação Física - B3

Ciências Ambientais, Enfermagem, Odontologia e Saúde Coletiva - B4

Medicina Veterinária - B5

Biotecnologia e Ciências Biológias II - C

  

 Licença Creative Commons 

Saúde (Santa Maria) ∴ revistasaude.ufsm@gmail.com

eISSN 2236-5834 ∴ DOI 10592/22365834

 

Acessos desde 08/08/2013.