Compreensão do sentimento materno na vivência no método canguru

Graziella Marjorie Moreira Heck, Huiana Cristine Lucca, Roberta Costa, Carolina Frescura Junges, Simone Vidal Santos, Márcia Borck

Resumo


Objetivo: compreender os sentimentos maternos vivenciados nas diferentes etapas do Método Canguru. Método: estudo descritivo, qualitativo, desenvolvido em uma unidade neonatal de um hospital escola no sul do Brasil, com a participação de nove mães. A coleta dos dados ocorreu no segundo semestre de 2013, quando foram aplicadas entrevistas semiestruturadas. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo. Resultados: emergiram as seguintes categorias: Expectativas do nascimento: Nascer a termo, Aproximação da mãe com o bebê, Sentindo-se mais mãe e Quando cheguei em casa. Conclusão: os sentimentos maternos relacionam-se intimamente com o grau de conhecimento e adaptabilidade da mãe. Cabe ao profissional de saúde fornecer informações e apoio de forma individualizada, respeitando a história de cada mãe e sua família.


Palavras-chave


Método canguru; Enfermagem neonatal; Unidades de terapia intensiva neonatal; Recém-nascido; Relações mãe-filho

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769218083



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.