Cicatrização de feridas: análise das tendências em teses e dissertações

Thaís Dresch Eberhardt, Caren Franciele Coelho Dias, Graziele Gorete Portella da Fonseca, Marciane Kessler, Rhea Silvia de Avila Soares, Suzinara Beatriz Soares de Lima

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2179769215259

Objetivo: identificar a produção brasileira de teses e dissertações desenvolvidas pela enfermagem sobre a temática da cicatrização; descrever as tendências gerais dessa produção. Método: revisão narrativa da literatura. Realizou-se busca no Banco de Teses e Dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior e da Associação Brasileira de Enfermagem - Centro de Estudos e Pesquisas em Enfermagem, incluindo-se 32 estudos. A análise dos resumos dos estudos foi realizada qualitativamente. Resultados: a maioria das pesquisas teve abordagem quantitativa, desenvolvida por meio de dissertações. Encontraram-se como temas comuns: tecnologias para o tratamento de feridas, perfil de pessoas portadoras de feridas, conhecimento e prática dos profissionais de enfermagem sobre tratamento de feridas, avaliação de feridas, custos do tratamento de feridas. Considerações finais: a revisão possibilitou identificar as tendências, encontrando-se uma lacuna no conhecimento produzido. O estudo contribui para orientar as ações desenvolvidas na prática dos profissionais enfermeiros, uma vez que possibilita o gerenciamento do cuidado ao paciente com lesão de pele de acordo com as tendências observadas na produção brasileira.


Palavras-chave


Enfermagem; Cicatrização; Ferimentos e lesões; Revisão

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769215259



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.