Vigias e vigiados: variáveis e elementos para pesquisa comparativa sobre a migração na fronteira Brasil-França

Daniel Chaves, Whitney Cabral

Resumo


Este trabalho pretende ensejar possibilidades e notas para uma pesquisa comparativa analisando os níveis de cooperação envolvendo Brasil e França no que diz respeito a temas de cimeira, como os recorrentes problemas de cooperação, com foco no que as suas políticas externas – e a decorrente variedade de ações, legislações e atos implicam – apontam sobre o comportamento dos dois Estados diante do assunto de grande prioridade para a fronteira guiano-amapaense e para o debate global e regional. Inevitavelmente, serão observados aspectos sobre o estado-da-arte na cooperação em política externa, mais especificamente sobre como pode-se apontar conceitos e abordagens basilares para temas ligados à imigração.


Palavras-chave


cooperation; foreign policies; border; international migrations.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2357797526508

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista InterAção



ISSN 2357-7975

Redes Sociais: Twitter | Facebook 

Universidade Federal de Santa Maria