Técnicas de sensoriamento remoto como subsídios aos estudos de florestas implantadas no Brasil – uma revisão bibliográfica.

Celso Coelho de Souza, Adelson de Azevedo Moreira, Rafaelle Silva Schimith, Pedro Christo Brandão, Elias Silva

Resumo


O sensoriamento remoto, no seu significado mais amplo, vem sendo empregado em trabalhos de pesquisas dentro de praticamente todos os ramos da ciência, dentre os quais a ciência florestal. O presente trabalho consistiu no levantamento bibliográfico sobre a aplicação do sensoriamento remoto no estudo de florestas implantadas no Brasil. Foi observado que as técnicas do sensoriamento remoto vêm sendo largamente utilizadas no estudo de florestas implantadas no Brasil, servindo como importante ferramenta para as atividades de monitoramento dos plantios e para os processos de tomada de decisão das empresas florestais.


Palavras-chave


sensoriamento remoto; floresta implantada; ciência florestal; imagem de satélite

Texto completo:

PDF

Referências


AMERICAN SOCIETY OF PHOTOGRAMETRY. Water Resources Assesment. In: Manual of Remote Sensing. Falls Church: 1975. p.1479-1522.

AZEVEDO, E.C.; MANGABEIRA, J.A.C. Mapeamento de uso das terras utilizando processamento digital de imagem de Sensoriamento Remoto. Campinas, SP: MAPA, 2001. 12p. (Comunicado Técnico, ISSN 1415-2118).

BOLFE, E. L.; FONSECA, E. L.; PEREIRA, R. S. et al. Verificação da exatidão em classificação digital de povoamentos florestais em imagem orbital mediante três índices. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 4., 2003, Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte: INPE, 2003. p.2671-2677.

CATELANI, C. S.; BATISTA, G. T. Comparação dos níveis de emissão de radiação na faixa do infravermelho termal entre maciços florestais de eucalipto e de mata nativa utilizando dados do infravermelho termal. In: SIMPOSIO INTERNACIONAL EN PERCEPCIÓN REMOTA Y SISTEMAS DE INFORMACIÓN GEOGRÁFICA, 12., 2006, Cartagena de Índias. Resumos... Cartagena de Índias, Colômbia: UNITAU, 2006.

DUCATI, et al. Inventário Florestal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: CEPSRM/UFRGS, 1999. (Série Relatórios Técnicos, 4/1999).

ENGESAT- Imagens de Satélites. Disponível em: http.www.engesat.com.br. Acesso em: 23 de junho de 2006.

EVERITT, J. H.; NIXON, P. R. Video imagery: a new remote sensing tool for range management. Journal of Range Management, v.38, p.421-424, 1985.

JUVENAL, T.L.; MATTOS, R.L.G. O setor florestal no Brasil e a importância do reflorestamento. BNDES/Ministério de Ciência e Tecnologia - Setorial, Rio de Janeiro, n. 16, p. 3-30, 2002.

LAW, B.E. Estimation of leaf area index and light intercepted by shrubs from digital videography. Remote Sensing Environment, v.51, n.2, p. 276-280, 1995.

LEITE, N.B. As florestas plantadas: governo e empresas na direção do desenvolvimento sustentável. Disponível em: http://www.sbs.org.br/secure/palestra. Acesso em: 23 de junho de 2006.

MAUSEL, P.W. et al. Delineation of soil series subareas using multiespectral video in relation to rural tax assessment. In: BIENNIAL WORKSHOP ON COLOR AERIAL PHOTOGRAPHY AND VIDEOGRAPHY FOR RESOURSE MONITORING, 14., 1993, Logan. Anais… Logan: ASPRS, 1993. p.82-95.

MOREIRA, M. Identificação de reflorestamentos por meio da análise quantitativa de imagens orbitais Landsat.1984. 65 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 1984.

MUCHONEY, D. M.; HAACK, B. N. Change detection for monitoring forest defoliation. International Journal of Remote Sensing, London, v.60, n.10, p.1243-51, 1994.

NETO, P.P. Utilização da videografia aérea na detecção de áreas com deficiências nutricionais em plantios de eucalipto. 2002. 86 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Piracicaba, SP, 2002.

NOVO; E.L.M. Sensoriamento remoto: princípios e aplicações. São Paulo: Edgar Blucher, 1989. p.1-8.

PONZONI, F.J. Dados TM/Landsat na identificação do ataque da Vespa-da-madeira, em plantios de Pinus sp. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 8., 1996, Salvador. Anais... Salvador: INPE, 1996. p.965-968.

PONZONI, F. J.; GONÇALVES, J. L. M. Avaliação do uso de dados TM/Landsat na identificação de plantios de Eucalyptus spp. deficientes em potássio. Revista Árvore, Viçosa, MG, v.21, n.3, p.421-431, 1997.

RIBEIRO, C. A. A. S. et al. Sistemas de Informações Geográficas. In: BOREM, A. et al. (Ed.). Agricultura de precisão. Viçosa, MG: 2000. 467 p.: il. p-380-407.

RICHARDSON, A.J.; HEILMAN, M.D.; ESUOBAR, D.E. Estimating grain sorghum yield from video and reflectance based PVI measurements at peak canopy development. Journal of Imaging Teachnology, v.16, n.3. p.104-109. 1990.

ROSOT, N. C. et al., Uso de imagens de radar para a utilização de mapas florestais temáticos. In: DISPERATI, A. A.; SANTOS, J. R. (Ed.). Aplicações de geotecnologias na Engenharia Florestal. Curitiba, PR: Copiadora Gabardo, 2004. p. 277-278.

SANO, E.E.; ASSAD, E.D.; ORIOLI, A. L. Monitoramento da ocupação agrícola. In: ASSAD, E. D., E.E. (Ed.) Sistema de informações geográficas: aplicações na agricultura. 2. ed. Brasília: Embrapa-SPI, 1998. p179-190.

SANTIAGO, R. H. S. Caracterização espectral e identificação de áreas afetadas pela seca de ponteiros do eucalipto do Vale do Rio Doce (SPEVRD) com ênfase em dados orbitais TM/LANDSAT. 1988. Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto) – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, São José dos Campos, SP. 1988.

SOARES, V. P.; BRITES, R. S.; RIBEIRO, C. A. Á. S. Avaliação da mudança da cobertura em áreas reflorestadas usando razão de bandas de imagens de satélite. Cerne, v.4, n.1, p.22-34, 1998.

SOARES, V. P.; GUIMARÃES, W. D.; RIBEIRO, C. A. Á. S. et al. Uso de imagens Landsat-7 Etm+ para o mapeamento de plantações de Eucalyptus na Região Norte de Minas Gerais. Floresta, Curitiba, v.35, n.1, p.137-149, jan./abr. 2005.

SOARES, J. V.; XAVIER, A. C.; ALMEIDA, A. C. Balanço de água em Eucaliptos com a caracterização do dossel por técnicas de Sensoriamento Remoto. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 10., 2001, Foz do Iguaçu. Anais... Foz do Iguaçu, PR: INPE, 2001. p. 139-147.

UM, J.S.; WRIGTH, R. The analog to digital transition and implications for operational use of airborne videography. Photogrammetric Engineering e Remote Sensing. v.65, n.3, p. 269-275, 1999.

VOGELMANN, J. E.; ROCK, B. N. Assessing forest decline in Conifeorus forests of vermont using NS-001 Thematic Mapper simulator data. International Journal of Remote Sensing, London, v.17, p.1303-1321, 1986.




DOI: https://doi.org/10.5902/198050981972

Licença Creative Commons