Proposições metodológicas para uma abordagem sociocultural a partir da “Pesquisa Kids Online”

Autores

  • Jane Aparecida Marques Universidade Federal de Pará; Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.5902/217549779245

Palavras-chave:

Recepção, Internet, Crianças e adolescentes.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo analisar os resultados da “Pesquisa Kids Online 2012”, de cunho quantitativo com o objetivo de propor futuros trabalhos na linha dos estudos socioculturais. Pretende-se demonstrar a necessidade da combinação de métodos e técnicas para melhor compreensão de um fenômeno, tal como o uso da Internet por pessoas de menor idade, no caso crianças e adolescentes (de 9 a 16 anos de idade). Embora os estudos de abordagem comportamental, em geral, de cunho descritivo, sejam insuficientes para a compreensão dos processos comunicacionais podem embasar pesquisas qualitativas para aprofundamento dos temas e melhor entendimento do público e dos contextos analisados.

Biografia do Autor

Jane Aparecida Marques, Universidade Federal de Pará; Universidade de São Paulo

Professora convidada da Universidade Federal do Pará (UFPA), compondo o quadro permanente do Programa de Pós-Graduação Comunicação, Cultura e Amazônia (PPGCOM-UFPA); Professora do Programa de Pós-Graduação Interunidades em Estética e História da Arte da Universidade de São Paulo e Professora do curso de Graduação em Marketing da Universidade de São Paulo. Mestre e Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo.

Downloads

Publicado

2013-12-23

Como Citar

Marques, J. A. (2013). Proposições metodológicas para uma abordagem sociocultural a partir da “Pesquisa Kids Online”. Animus. Revista Interamericana De Comunicação Midiática, 12(24). https://doi.org/10.5902/217549779245

Edição

Seção

Artigos Livres