O trauma na literatura infanto-juvenil em O meu amigo pintor (1987), de Lygia Bojunga Nunes

Gisele Almeida da Luz, Vera Lúcia Lenz Vianna

Resumo


O presente artigo fará uma visitação ao conceito de mimese desde a antiguidade até a modernidade, primeiramente buscando um conceito geral para a palavra e posteriormente observando as mudanças que sofreu ao longo do tempo. Em seguida, a definição de trauma e questões referentes ao sujeito traumatizado serão buscadas, a fim de relacionar mimese e trauma. Após, será discutida a narrativa do trauma na literatura infanto-juvenil, bem como a importância de trazer o discurso do indivíduo traumatizado ao jovem leitor. A obra O meu amigo pintor (1987), de Lygia Bojunga, será o mote para a discussão e análise acerca da mimese e do trauma.

Palavras-chave


Lygia Bojunga Nunes; Trauma; Mimese; Literatura infanto-juvenil

Texto completo:

PDF p. 83-92

Referências


BRAUNSTEIN, Néstor A. Sobrevivendo ao trauma. Trad. Marylink Kupferberg. Disponível em . Acesso em 07/12/2018.

CUNHA, Antônio Geraldo da. Dicionário etimológico da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Lexikon, 2013.

LIMA, Luis Costa. Mímesis e modernidade: formas das sombras. 2. Ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

LUKÁCS, György. Marxismo e teoria da literatura. Seleção, apresentação e tradução de Carlos Nelson Coutinho. São Paulo: Expressão Popular, 2010.

LUPER, Steven. A filosofia da morte. Tradução Cecília Bonamine. São Paulo: Madras, 2010.

SANDRONI, Laura. De Lobato a Bojunga – as reinações renovadas. Rio de Janeiro: Agir, 1987.

SELIGMANN-SILVA, Márcio. Narrar o trauma – a questão dos testemunhos de catástrofes históricas. Rio de Janeiro: Revista Psicologia Clínica, 2008. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/pc/v20n1/05>. Acesso em 08/12/2008.

SELIGMANN-SILVA, Márcio. Literatura e trauma. Pro-posições, volume 3, número 3, setembro/dezembro de 2012. Disponível em: < https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643943/11399>. Acesso em: 07/12/2018.

SIMON, Blackburn. Dicionário Oxford de Filosofia. Consultoria e edição brasileira Danilo Marcondes. Tradução Desidério Murcho, et al. Rio de Janeiro: Zahar, 1997.




DOI: https://doi.org/10.5902/1679849X40754

 

CONTATO:

E-mail: revista.la.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Prédio 16 - Centro de Educação - PPG Letras
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8477

Link: https://periodicos.ufsm.br/LA


ISSN: 1679-849X

DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1679849X

Qualis/Capes: Linguística e Literatura B2


Periodicidade – Semestral

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

     

 

http://mjl.clarivate.com/cgi-bin/jrnlst/jlresults.cgi?PC=EX&Full=*Literatura%20e%20Autoritarismo

Resultado de imagem para DOAJ

https://doaj.org/toc/1679-849X

https://www.latindex.org/latindex/ficha?folio=19485

http://diadorim.ibict.br/handle/1/1018

 

 

http://oaji.net/journal-detail.html?number=6577

http://ezb.uni-regensburg.de/searchres.phtml?bibid=AAAAA&colors=7&lang=de&jq_type1=QS&jq_term1=Literatura+e+Autoritarismo

 

https://dbh.nsd.uib.no/publiseringskanaler/erihplus/periodical/info.action?id=491293

BASE Logo

https://www.base-search.net/

http://journalseeker.researchbib.com/view/issn/1679-849X

https://www.worldcat.org/title/literatura-e-autoritarismo/oclc/1002237522&referer=brief_results

https://scholar.google.com.br/citations?user=cnXbenUAAAAJ&hl=pt-BR

 

https://www.tib.eu/en/search/id/TIBKAT%3A894744321/Literatura-e-autoritarismo/

https://thekeepers.org/journals/1679-849X?page=1&query=Literatura+e+Autoritarismo

 

http://www.i2or.com/8.html (Nr. 763)

https://index.pkp.sfu.ca/index.php/browse/index/2374

http://miar.ub.edu/issn/1679-849X

https://clasificacioncirc.es/resultados_busqueda?_pag=1&_busqueda2=Literatura%20e%20Autoritarismo

https://reseau-mirabel.info/revue/6394/Literatura_e_autoritarismo