A INFLUÊNCIA DA INTERNET NOS ADOLESCENTES COM AÇÕES SUICIDAS

Thales Oliveira Abreu, Marjane Bernardy Souza

Resumo


O estudo investiga a relação da internet e o contingente de informações sobre ideações suicidas com os adolescentes. Foi realizada uma revisão sistemática de bibliografias sobre a temática abordada na base de dados Biblioteca Virtual da Saúde (BVS), fez-se a coleta dos dados e categorização dos estudos, posteriormente uma avaliação dos dados, interpretação e síntese dos mesmos. Foram encontrados dois artigos: “Agressão entre pares no espaço virtual: definições, impactos e desafios do cyberbullying” que aborda a problemática do cyberbullying entre os adolescentes vitimados e as consequências sociais e psicológicas apresentados nesse público; e Análise do conteúdo de sites que abordam o suicídio” analisando sites que abordavam a temática suicídio, sob a investigação de seus conteúdos. Nos dois artigos verificou-se a inferência ao tema suicídio em adolescentes vulneráveis conectados virtualmente bem como a facilidade em acessar esse conteúdo em sites. Concluiu-se que a disseminação da internet tem modificado as formas de se relacionar e se desenvolver, especialmente na adolescência, onde o contato mostra-se necessário e se apresenta em constante transformação. Nesse momento podem surgir sentimentos de desesperança e depressão, agravados pela ideação suicida advinda de aspectos externos ou fisiológicos. Os conteúdos disponíveis on line chegam de maneira rápida e eficiente para o adolescente com ideação suicida servindo de informativo no que diz respeito às práticas suicidas propriamente ditas ou promovendo a vida.


Palavras-chave


adolescentes; ideação suicida; internet.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2317175825868

  

 

Revista Sociais e Humanas  (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria

Centro de Ciências Sociais e Humanas

Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com

Fone (55) 32208522