Cooperativas agropecuárias e processos sucessórios: um estudo de caso em Minas Gerais

Amábile Tolio Boessio, Sheila Maria Doula, Aline Barasuol

Resumo


Objetivou-se investigar as iniciativas e a forma como estas são avaliadas pelos dirigentes e colaboradores da Cooperativa Agropecuária de Patrocínio - COOPA (Minas Gerais, Brasil) no sentido de auxiliar os processos de sucessão nos quais os filhos de cooperados estão envolvidos. A metodologia é qualitativa e do tipo exploratória. Foram analisadas 13 entrevistas com membros da direção, cargos de gestão e colaboradores. Embora a cooperativa não desenvolva ações institucionalizadas com foco nos processos sucessórios, duas ações indiretas foram abordadas como facilitadoras: o COOPAJOVEM e as bolsas de estudo. Destaca-se a importância dos extensionistas como possíveis auxiliares no processo de sucessão.


Palavras-chave


Sucessão geracional. Cooperativismo. Juventude rural.

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAMOVAY, R.; et al. (1998); Juventude e agricultura familiar. Brasília: Edições da UNESCO, 101 p.

AHLERT, L. (2009); A sucessão das atividades na agricultura familiar. In: 47ª SOBER, Porto Alegre, RS. Desenvolvimento rural e sistemas agroalimentares: os agronegócios no contexto de integração das nações.

ALCANTARA, N. B.; MACHADO FILHO, C. A. P. (2014); O processo de sucessão no controle de empresas rurais brasileiras um estudo multicasos. Organizações Rurais & Agroindustriais, v. 16, 139-151 p.

ANDRADE, D. M.; LIMA, J. B.; ANTONIALLI, L. M. (2011); Significados do processo de sucessão em uma empresa familiar. Espacios (Caracas), v. 32, 49-51 p.

ANTONIALLI, L. M. (2000); Influência da mudança de gestão nas estratégias de uma cooperativa agropecuária. RAC. Revista de Administração Contemporânea, Rio de Janeiro-RJ, v. 4, n.1, 135-159 p.

ATLAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO NO BRASIL (2014). Perfil do município de Patrocínio/MG. Disponível em: < http://www.atlasbrasil.org.br/2013/pt/perfil_m/patrocinio_mg>. Acesso em: 05 de novembro 2014.

CARNEIRO, M. J. (1999); O ideal rurbano: campo e cidade no imaginário de jovens rurais. In: Teixeira da Silva, Francisco Carlos et al. (Org.). Mundo rural e política. Rio de Janeiro: Campus.

CASTRO, E. G. de. (2005); Entre Ficar e Sair: uma etnografia da construção social da categoria jovem rural. Tese (Doutorado em Antropologia Social) – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: PPGAS/UFRJ, 380 f.

CONTERATO, M. A.; SCHNEIDER, S. (2006); A agricultura familiar do Alto Uruguai, RS: mercantilização e estratégias de reprodução no município de Três Palmeiras. Cadernos de Ciência & Tecnologia, v. 23, 151-189 p.

ESTATUTO SOCIAL, Cooperativa Agropecuária de Patrocínio – COOPA (2014); Disponível em: < http://www.coopa.coop.br/public/coopa/imagens/uploads/files/estatuto_coopa.pdf >. Acesso em: 05 novembro 2014.

GONÇALVES, R. C. (2012); A evolução do cooperativismo agropecuário no Brasil. 2012. Disponível em: . Acesso em: 19 fev. 2014.

GRAZIANO, J. S. (1996); A nova dinâmica da Agricultura Brasileira. Campinas: Instituto de Economia/Unicamp, 217 p.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE) (2014); Cidades – Patrocínio/MG. Disponível em: < http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=314810&search=minas-gerais|patrocinio >. Acesso em: 05 de novembro 2014.

MELLO, M. A.; ABRAMOVAY, R.; SILVESTRO, M. L.; DORIGON, C.; FERRARI, D. L.; TESTA, V. M. (2003); Sucessão hereditária e reprodução social da agricultura familiar. Agricultura em São Paulo, São Paulo, v. 50, n.1, 11-24 p.

MEMLAK, A. F.; DEWES, F. (2014); Cooperativismo e Juventude: as perspectivas de participação dos jovens das famílias associadas à cooperativa extremo norte. s./a. Disponível em: . Acesso em: 20 fev. 2014

OCB, Organização das Cooperativas Brasileiras (2014); Disponível em: . Acesso em: 12 fev. 2014.

PATROCÍNIO, Prefeitura Municipal (2014); Disponível em:< http://www.patrocinio.mg.gov.br/index.php >. Acesso em: 05 de novembro 2014.

PLEIN, C.; SCHNEIDER, S. (2004); Agricultura familiar e estratégias de reprodução: o caso do município de Iporã d'Oeste, Santa Catarina. Faz Ciência, Francisco Beltrão, v. 6, n.1, 231-254 p.

PRESNO AMODEO, N. B. (1999); As cooperativas agroindustriais e os desafios da competitividade. Tese (Doutorado em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

PRESNO AMODEO, N. B. (2001); As cooperativas e os desafios da competitividade. Estudos Sociedade e Agricultura (UFRJ), Rio de Janeiro, v. 17, n.17, 119-144, p.

RODRIQUES, R. (2008); Cooperativismo: Surfando a segunda onda. São Paulo: [s.n.], 487 p.

SILVESTRO, M. L. et al. (2001); Os impasses da sucessão hereditária na agricultura familiar. Florianópolis: Epagri; Brasilia: Nead, Ministério do Desenvolvimento Agrário.

SPANEVELLO, R. M.; DREBES, L. M.; LAGO, A. (2001); A influência das ações cooperativistas sobre a reprodução social da agricultura familiar e seus reflexos sobre o desenvolvimento rural. In: II Conferência do Desenvolvimento, 2011, Brasília. Anais do I Circuito de Debates Acadêmicos.

SPANEVELLO, R.; LAGO, A. (2007); As cooperativas agropecuárias e a sucessão profissional na agricultura familiar. In: XLV Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural, 2007, Londrina - PR. Conhecimento para a Agricultura do Futuro.

STROPASOLAS, V. L. (2006); O mundo rural no horizonte dos jovens. Florianópolis: Editora da UFSC.

STROPASOLAS, V. L. (2011); Os desafios da sucessão geracional na agricultura familiar. Revista Agriculturas (Impresso), v. 8, 26-29 p.

WANDERLEY, M. de N. B. (2009); O Mundo Rural como um Espaço de Vida – reflexões sobre a propriedade da terra, agricultura familiar e ruralidade. Porto Alegre: UFRGS Editora.

ZYLBERSZTAJN, Decio; LAZZARINI, S. G.; BIALOSKORSKI NETO, S.; TAKAKI, F. S. (1996); Cooperativa Coamo: Gerenciando os Conflitos do Crescimento. Disponível em:. Acesso em: 18 fev. 2014




DOI: https://doi.org/10.5902/2359043230589

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. 

     

   

   

 

ISSN Eletrônico: 2359-0432

ISSN Impresso: 2446-7103