Análise da Eficiência Sócio Financeira de uma Cooperativa de Crédito de Minas Gerais

Brício dos Santos Reis, Elaine Alexandra Fontes

Resumo


A busca por serviços prestados pelas cooperativas de crédito vem crescendo de forma significativa. As cooperativas de crédito são instituições financeiras que tem como principal finalidade a prestação de serviços bancários e intermediação financeira, buscando a geração de benefícios aos seus associados mediante oferecimento de serviços mais baratos e taxas de juros mais acessíveis. Considerando o objetivo dessas instituições, o presente estudo busca avaliar a eficiência sócio financeira de uma cooperativa de crédito da Região da Zona da Mata de Minas Gerais, considerando os indicadores financeiros e a atividade de prestação de serviços bancários. Para o cálculo e análise dos indicadores foram utilizados dados do Balanço Patrimonial (BP) e da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) referentes ao período de 2010 a 2015. Para o tratamento dos dados usou-se a técnica de cálculo dos indicadores financeiros apropriados para as instituições financeiras e o deflacionamento de valores. Como resultado, observa-se que a cooperativa apresenta boa liquidez e rentabilidade, além de prestar serviços em condições mais favoráveis aos seus associados do que o mercado bancário tradicional. 


Palavras-chave


Cooperativa de Crédito; Indicadores Financeiros; Prestação de Serviços

Texto completo:

PDF

Referências


ASSAF NETO, A. Mercado financeiro (12a ed., p. 381). São Paulo: Atlas. 2014.

ASSAF NETO, A.; LIMA, F. G. Curso de Administração Financeira. São Paulo: Atlas, 2 ed. 2011.

BARROSO, M. F. G. Distribuição de resultados e desempenho de cooperativas de crédito: estudo comparativo no Estado de São Paulo. 2009. Dissertação (Mestrado). Ribeirão Preto: USP.

BRESSAN, V. G. F.; BRAGA, M. J.; BRESSAN, A. A.; RESENDE FILHO, M. A. Uma aplicação do sistema PEARLS às cooperativas de crédito brasileiras. Revista de Administração (FEA-USP), v. 46, n. 3, p.258-274, jul./ago./set. 2011.

COOPAGRICOLA. Educação Cooperativa. Disponível em: http://www.coopagricola.com.br/educacaocooperativa/. Acesso em 24/05/2016.

FERREIRA, M. A. M.; GONÇALVES, R. M. L.; BRAGA, M. J. Investigação do desempenho das cooperativas de crédito de Minas Gerais por meio da Análise Envoltória de Dados (DEA). Economia Aplicada, v. 11, n. 3, p. 425-445, 2007.

GITMAN, L. J. Princípios de Administração Financeira. São Paulo: Pearson Pratice Hall, 12 ed. 2010.

GONÇALVES, R. M. L. Condicionantes do risco de liquidez em cooperativas de economia e crédito mútuo de Minas Gerais. Universidade Federal de Viçosa, dezembro de 2005.

OLIVEIRA JUNIOR, C. C. de. Avaliação da Eficiência Empresarial das Cooperativas. Curitiba: Ocepar 13ed. 1996.

PINHEIRO, M. A. H. Cooperativas de Crédito: historia da evolução normativa no Brasil. Brasília: BCB, 2008.

PORTAL DO COOPERATIVISMO DE CRÉDITO. Cenário Mundial e Cenário Brasileiro. Disponível em: http://cooperativismodecrédito.coop.br/cenario-mundial/cenario-brasileiro/. Acesso em 13/08/2016.

SANTOS, C. A. dos. Cooperativa de crédito – Série empreendimentos coletivos (p. 45). Brasília: SEBRAE. 2009.

SCHARDONG, A.. Cooperativa de crédito: instrumento de organização econômica da sociedade. Porto Alegre: Rigel, 2002.

SOARES, M. M.; MELO SOBRINHO, A. D.. Microfinanças: o papel do Banco Central do Brasil e a importância do cooperativismo de crédito. 2 ed. Brasília: BCB, 2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2359043227866

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. 

     

   

   

 

ISSN Eletrônico: 2359-0432

ISSN Impresso: 2446-7103