O impacto da sobrecarga de trabalho e a satisfação do trabalhador em saúde mental

Thayná Santos Buesso, Guilherme Correa Barbosa

Resumo


RESUMO: A pesquisa buscou descrever o impacto da sobrecarga de trabalho sobre a satisfação profissional em trabalhadores do Centro de Atenção Psicossocial de um município no interior do Estado de São Paulo. Estudo do tipo descritivo, exploratório, transversal com trabalhadores de um serviço de saúde mental comunitário. Foram aplicados três instrumentos. A análise foi através de procedimentos estatísticos. Os resultados deste estudo demonstraram que a avaliação dos trabalhadores sobre o CAPS se situa na faixa intermediária com relação aos aspectos avaliados no serviço, e apresenta uma avaliação com valores baixos de sobrecarga em relação ao trabalho no serviço. Os resultados do estudo estão de acordo com outras pesquisas publicadas, e apesar de serem bons resultados, há a necessidades de investir em mudanças no serviço para melhorar a assistência aos pacientes e a qualidade de vida dos profissionais.


Palavras-chave


: Pesquisa sobre Serviços de saúde; Saúde mental; Serviços Comunitários de Saúde Mental

Texto completo:

PDF

Referências


Amarante P. Saúde Mental, Desinstitucionalização e Novas Estratégias de Cuidado. In: Políticas e Sistema de Saúde no Brasil cap.20 (org) Ligia Giovanella et al. Editora Fiocruz/ CEBES , 2008.

Brasil, Ministério da Saúde. Saúde Mental no SUS: Os Centros de Atenção Psicossocial. Brasília, 2004.

Andreoli SB. Serviços de saúde mental no Brasil. In: Mello MF, Mello AAF, Kohn R. (Org.). Epidemiologia da saúde mental no Brasil. Porto Alegre: Artmed, 2007.

Borges LO. et al. A síndrome de Burnout e os valores organizacionais: um estudo comparativo em hospitais universitários. Psicol Reflex Crít, 2002; 45(1): 189-200.

Ishara S, Bandeira M, Zuardi AW. Public psychiatric services: job satisfaction evaluation. Rev Bras Psiquiatr, 2008; 30(1): 38-41.

Rebouças D. et al. O trabalho em saúde mental: um estudo de satisfação e impacto. Cad Saúde Pública, 2008; 24(3): 624-32.

Rebouças D, Legay LF, Abelha L. Satisfação com o trabalho e impacto causado nos profissionais de serviço de saúde mental. Revista Saúde Pública, 2007; 41(2): 244-50.

Bandeira M, Pitta AMF, Mercier C. Escalas brasileiras de avaliação da satisfação (SATIS-BR) e da sobrecarga (IMPACTO-BR) da equipe técnica em serviços de saúde mental. J. Bras. Psiquiatr, 2000; 49(4): 105-15.

Bandeira M, Ishara S, Zuardi AW. Satisfação e sobrecarga de profissionais de saúde mental: validade de construto das escalas SATIS-BR e IMPACTO-BR. J Bras Psiquiatr, 2007; 56(4): 280-86.

De Marco PF et al. O impacto do trabalho em saúde mental: transtornos psiquiátricos menores, qualidade de vida e satisfação profissional. J Bras Psiquiatr, 2008; 57(3): 178-83.

Ishara S. Equipes de saúde mental: avaliação da satisfação e do impacto do trabalho em hospitalização parcial. 2007. Tese (Doutorado em Saúde Mental)–Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007.

Pelisoli C, Moreira ÂK, Kristensen CH. Avaliação da satisfação e do impacto da sobrecarga de trabalho em profissionais de saúde mental. Mental, 2007; 5(9): 63-79.

Bandeira M, Pitta AMF, Mercier C. Escalas da OMS de avaliação da satisfação e da sobrecarga em serviços de saúde mental. J Bras Psiq, 1999; 48(6): 233-44.

Barbosa GB et al. Trabalho e saúde mental dos profissionais da Estratégia Saúde da Família em um município do Estado da Bahia, Brasil. Rev Bras Saúde Ocup, 2012; 17(126): 306-15.

Guimarães JMX, Jorge MSB, Assis MMA. (In)satisfação com o trabalho em saúde mental: um estudo em Centros de Atenção Psicossocial. Ciência & Saúde Coletiva, 2011; 16(4): 2145-54.

Bosque RM, Oliveira MAF de, Silva NN da, Claro HG, Fernandes IFAL. Satisfação dos trabalhadores, usuários e familiares dos Centros de Atenção Psicossocial em álcool e outras drogas. Rev enferm UFPE on line., Recife, 2017; 11(Supl. 11):4598-606.

Clementino F, Miranda F, Martiniano C, Marcolino E, Pessoa-Júnior J, Fernandes N. Avaliação da satisfação e sobrecarga de trabalho dos trabalhadores dos Centros de Atenção Psicossocial. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online, 2018;10(1): 153-159.

Melo MB, Barbosa MA, Souza PR. Satisfação no trabalho da equipe de enfermagem: revisão integrativa. Rev Latino-Am Enfermagem, 2011; 19(4): 1047-55.

Clodoaldo SS, Barbosa GC, Oliveira MAF de. Satisfação dos trabalhadores de um centro de atenção psicossocial em álcool e outras drogas. Revista UNINGÁ, 2017; 52(1): 12-17.

Leal RMAC, Bandeira MR, Azevedo KRN. Avaliação da qualidade de um serviço de saúde mental na perspective do trabalhador: satisfação, sobrecarga e condições. Psicol. teor. prat., 2012; 14(1): 15-25.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2236583429678

Direitos autorais 2019 Saúde (Santa Maria)

______________________________________________________________

Peridiocidade: Fluxo Contínuo.


Qualis:


Interdisciplinar e Educação Física - B3

Ciências Ambientais, Enfermagem, Odontologia e Saúde Coletiva - B4

Medicina Veterinária - B5

Biotecnologia e Ciências Biológias II - C

  

 Licença Creative Commons 

Saúde (Santa Maria) ∴ revistasaude.ufsm@gmail.com

eISSN 2236-5834 ∴ DOI 10592/22365834

 

Acessos desde 08/08/2013.