A brincadeira la ursa, visualidades e peripécias

Camilo de Figueiredo Aranha

Resumo


Esta pesquisa teve como objeto de estudo as visualidades e as peripécias transgressoras do folguedo “la ursa”, no bairro do Rangel, em João Pessoa- PB. Trata-se de um estudo de caso, de abordagem qualitativa, do tipo etnográfico, que contou com coleta dados, entrevistas, registos imagéticos e observação direta da atuação de dois grupos de folguedo, um Espontâneo e outro Profissional. É uma investigação fundamentada em referenciais teóricos da Cultura Visual e da Antropologia do cotidiano, que analisa os processos de hibridização do La ursa, sua formação multicultural e a influência da cultura imagética midiática contemporânea exercida nesse entretenimento. O estudo concluiu que esta prática cultural, se reproduz e atua no processo histórico e social presente, re-significando o conhecimento informal e não formal organizado, mediado pelas relações humanas e suas inter-relações simbólicas a partir do ato de brincar.


Palavras-chave


La ursa; Visualidades; Cultura visual

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRÉ, Maria Eliza Dalmazo Afonso de. Etnografia da prática escolar. Papirus, Campinas, São Paulo, 1995.

AYALA, Marcos e AYALA, Maria Inês Novais. Cultura Popular no Brasil. Ática, São Paulo, 2006.

HERNÁNDEZ, Fernando. Catadores da cultura visual: proposta para uma nova narrativa educacional. Porto Alegre: Mediação, 2007.

LEAL, Wills. No tempo do lança-perfume ou a história do carnaval na/ da cidade de João Pessoa. 2 ed. João Pessoa: [s.n.], 2000.

ORTIZ, Renato. Cultura brasileira e identidade nacional. São Paulo: Brasiliense, 1994.

REAL, Katarina. O folclore no carnaval do Recife. Rio de Janeiro: Companhia de Defesa do Folclore Brasileiro, v. 2, 1967. (coleção folclore brasileiro).




DOI: https://doi.org/10.5902/1983734817857

 
 
 
DOI: Digital Object Identifier 10.5902/19837348

Qualis B1

Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 4.0 (CC BY 4.0).

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 (CC BY 4.0).

Acessos a partir de 17/09/2015

CopySpider - Software Anti-plagio